Logotipo R10
5 Coisas que você nunca deve fazer com o seu corpo

Viver uma vida seguindo todas as regras é algo extremamente difícil, não é mesmo? E falando nisso, não nos referimos apenas às regras legais e governamentais, mas também as de vida como um todo. Você acha que vive bem e não faz nada que possa danificar o seu corpo ou mudar o seu estilo de vida? Por mais que você seja uma dessas pessoas que vivem em prol do corpo, acredite, você não segue ao extremo aquilo que te faz bem. Creia ou não, mas até limpar os ouvidos ou fazer uma limpeza de pele de forma "inadequada" podem fazer extremamente mal à nossa saúde.

Cuidar do corpo é mais difícil do que podemos imaginar. Pensando nisso, trouxemos essa matéria. A redação da Fatos Desconhecidos buscou e listou algumas coisas que você jamais deve fazer com o seu corpo. Se souber de algum outro item que não listamos, manda pra gente nos comentários aí embaixo. Aproveite para compartilhar com seus amigos. Agora, sem mais delongas, confira conosco a seguir e surpreenda-se com tudo isso.

1 - Espremer espinhas

Isso é algo que jamais devemos fazer. O ato de espremer qualquer pontinho em nosso rosto pode causar infecções e também deixar cicatrizes. A área próxima ao nariz e em volta da boca é ainda mais perigosa, pois é o local mais fácil de causar infecções em vasos sanguíneos, causando mais problemas à saúde.

2 - Usar contonetes

Limpar o ouvido com cotonetes é algo extremamente perigoso. Isso é mais propenso a empurrar a cera para mais fundo, tornando cada vez mais impossível retirá-la. Fazer isso pode causar danos ao tímpano e à audição.

3 - Cutucar o nariz

Cutucar o nariz pode ser bastante prejudicial, pois o órgão é revestido de artérias. A membrana mucosa é frágil e pode facilmente ser danificada, levando ao sangramento. Além disso, esse ato pode fazer com que o sangue infeccione.

4 - Fazer dietas extremas

Fazer uma dieta extrema pode ser algo bastante ruim para sua saúde. Além do que, não é porque está comendo bem que significa que não precisa praticar exercício físico. Para levar uma vida saudável, é preciso combinar as duas coisas.

5 - Começar a malhar pegando muito peso

Se você está começando uma rotina de malhação, não vá direto aos pesos pesados. O correto é começar aos poucos, ir devagar e aumentando o ritmo com o passar das semanas para construir os músculos.

Fonte: Fatos Desconhecidos.

Dicas para uma caminhada mais saudável

A medicina já comprovou que praticar caminhadas regularmente faz muito bem à saúde. O exercício contribui para a prevenção de doenças, combate a obesidade e melhora a auto-estima. É também uma atividade que aproxima as pessoas, inclusive pais e filhos, que podem aproveitar a ocasião para colocar o papo em dia.

Porém, por mais simples que seja, a caminhada requer alguns cuidados, uma vez que exercícios malfeitos podem trazer riscos aos praticantes. Confira aqui 10 recomendações para tornar a sua caminhada mais saudável.

1 - Faça uma avaliação médica
Antes de iniciar a prática da caminhada, é importante que o interessado faça uma visita ao médico, para avaliar o seu estado geral de saúde e, se for o caso, receber algumas recomendações especiais sobre como conduzir o exercício.

2 - Não deixe de alongar
O alongamento torna a caminhada mais segura e eficiente, por reduzir o risco de lesões e cãibras e ajudar na agilidade do praticante. Deve ser feito antes e depois da caminhada.

3 - Mantenha a postura certa
Procure caminhar sempre com a cabeça centrada nos ombros e o olhar direcionado para o horizonte, em linha reta. Os ombros devem estar relaxados e não devem ser inclinados para a frente ou para os lados. Durante a caminhada, deve-se alternar o movimento dos pés e braços. Quando o pé direito vai à frente, é o braço esquerdo que vai também e vice-versa.

4 - Respire corretamente
O ideal é inspirar pelo nariz e expirar pela boca. Quando o esforço é grande, a tendência é inspirar também pela boca. Aí, o ideal é diminuir o ritmo e respirar profundamente, contando até cinco, para voltar a inspirar pelo nariz e expirar pela boca.

5 - Seja regular e não exagere
Os exercícios físicos devem ser realizados de forma regular, com intervalo entre as sessões de 24 a 48 horas. A caminhada deve ser feita de forma gradual, começando com 30 minutos, três vezes por semana.

6 - Repare no calçado e nas roupas
As principais marcas de tênis oferecem diversos modelos com sistema de amortecimento, que reduzem o impacto do pé no solo. Para a caminhada, escolha um para treinamento (com solado mais alto) e não para competição (mais baixo e leve). No caso das roupas, as mais claras e leves são as melhores. Evite roupas apertadas que possam dificultar a respiração e os movimentos.

7 - Cuide da alimentação e da hidratação
Antes de caminhar, procure fazer uma refeição leve, à base de frutas e sucos. E não esqueça de manter a hidratação adequada antes, durante e após a atividade física. Beba água.

8 - Programe um horário ideal
As caminhadas pela manhã são excelentes para estimular e preparar o organismo para o resto do dia. Nas caminhadas diurnas e vespertinas, nunca se esqueça do protector solar. Caminhar à noite também é uma opção para quem fica ocupado o dia todo, mas para isso é necessário escolher lugares bem iluminados e, é claro, ter cuidado com a segurança.

9 - Escolha um local plano
É muito importante que a caminhada seja realizada em parques ou praças. E em terreno plano, para evitar quedas e esforços desnecessários.

10 - Curta a conversa
Feita entre pai e filho, o melhor da caminhada (além de melhorar a saúde) é curtir a conversa. Mas evite falar de problemas ou aborrecimentos enquanto caminha. Quando você exercita seu corpo, o cérebro também merece ser bem tratado. A caminhada tem que ser um momento muito agradável, bastante aguardado por quem a pratica.

Fonte: Terra

Comer uma banana e um abacate pode fazer  milagres no seu corpo

Se você leva um estilo de vida saudável provavelmente tem uma alimentação balanceada e sabe os benefícios que isso tem para o corpo. Verduras, frutas e legumes são essenciais para esse estilo de vida porque tem vitaminas que mantêm nosso corpo funcionando da melhor maneira possível.

Duas frutas que têm se destacado no meio das outras são as bananas e os abacates que são ricos em potássio e magnésio. Elas geram grandes benefícios, mas foi recentemente que os cientistas descobriram que eles também podem ser benéficos para um problema de saúde.

O estudo foi feito pela Universidade do Alabama e, segundo as descobertas feitas por eles, o consumo dessas frutas ajuda a prevenir ataques cardíacos. Consumir pelo menos uma banana ou um abacate por dia aumenta as chances de evitar doenças cardíacas.

Outra coisa que as frutas combatem é o risco de bloqueios arteriais, que com o potássio presente nas frutas elas reduzem a calcificação vascular, que pode tanto implicar na doença renal e na cardiovascular. E se essa condição chegar a acontecer no corpo, ela só é solucionada com cirurgias.

O estudo

O estudo consistiu em dar aos ratos dietas com diferentes níveis de potássio. No caso dos que receberam mais potássio, tinham suas artérias mais maleáveis e os que tiveram menos potássio na alimentação, as tinham mais duras. E essa mesma premissa vale para os humanos também.

O foco dos cientistas no enrijecimento das artérias é porque se elas ficarem mais duras, trabalharão mais para bombear sangue para o corpo. Além de que um maior cuidado com as artérias ajuda a prevenir uma gama de outras doenças, como por exemplo derrame, doença renal, hipertensão, doença cardíaca e derrame cerebral.

Doenças

Segundo os cientistas, "a arteriosclerose é um defeito que ocorre nas paredes da artéria (vasos sanguíneos que transportam sangue oxigenado). Refere-se ao endurecimento das paredes normalmente flexíveis devido à perda de elasticidade da musculatura arterial. Quando jovens, as artérias são flexíveis devido à presença de uma proteína chamada elastina".

Eles também explicaram que "à medida que a idade avança, há perda dessa elastina, causando espessamento das paredes arteriais. A aterosclerose é outra condição que se refere à deposição de placas de gordura e glóbulos de colesterol nas artérias, causando estreitamento do lúmen das artérias".

Essa rigidez arterial se tornou um grave problema de saúde, segundo os cientistas, causando morbidade e mortalidade cardiovascular. O consumo dessas duas frutas ajuda bastante a combater esse problema.

Fonte: Fatos Desconhecidos.

5 - Danos á saúde que as bebidas gaseificadas nos causam

Bebemos diversas coisas durante o dia, não é mesmo? A água é a mais consumida em tempo integral, no entanto, algumas outras ganham espaço principalmente durante as refeições. Sucos, vinhos, alguma bebida alcoólica e, é claro, o refrigerante ou demais bebidas gaseificadas. Esse tipo de bebida tem se tornado cada vez mais comum e ganhando força na dieta das pessoas do mundo inteiro. Em 2005, por exemplo, o refrigerante foi considerado a bebida mais popular nos Estados Unidos, ultrapassando até mesmo a água e o leite. Apesar das diversas alegações de que o produto faz mal à saúde, as pessoas não deixam de consumir em excesso.

Pensando um pouco sobre isso, resolvemos trazer essa matéria. Nós da Fatos Desconhecidos buscamos e listamos alguns dos maiores danos à saúde que as bebidas gaseificadas podem nos trazer. Serve como um tipo de alerta para consumir de forma moderada. Se você souber algum outro dano negativo que não listamos aqui, manda pra gente nos comentários aí embaixo. Aproveite para compartilhar com seus amigos e, sem mais delongas, confira conosco e surpreenda-se.

1 - Dor na cavidade nasal

As bebidas gaseificadas podem causar dores em sua cavidade nasal. Isso foi confirmado na Neuroscience News. Um estudo realizado pela Universidade do Sul da Califórnia relevou que o dióxido de carbono das bebidas danifica os sensores na cavidade. A sensação de queimação que algumas pessoas sentem ao consumir uma bebida gaseificada deriva de nervos que respondem a sensação de dor e temperatura no nariz e boca.

2 - Azia

Consumir diariamente bebidas carbonatadas pode causar a sensação de azia durante a noite. É bastante comum sofrer com refluxo gastroesofágico noturno por esse motivo. Cerca de 45% dos americanos sofrem de azia pelo menos uma vez ao mês.

3 - Danos nos rins

Esse tipo de bebida pode causar danos em nossos rins. O açúcar presente na bebida pode afetar a nossa função renal também. Especialistas afirmam que essa bebida pode causar infecções renais, segundo um estudo publicado em 2010 no Journal of American Society of Nephrology.

4 - Saúde óssea 

Pessoas que consomem muito bebidas gaseificadas têm maiores chances de fraturar um osso, relata Grace Wyshak, professora da Escola de Saúde Pública de Harvard. Isso foi comprovado após realizar um estudo em 460 garotas do nono e décimo ano.

5 - Doença cardíaca 

O xarope de milho, presente nos refrigerantes, possui grande teor de frutose e isso é um agravante com relação a composição da bebida. Essa substância é produzida através da combinação do milho com enzimas combinados de forma artificial que fazem o corpo ficar viciado. O consumo em excesso dessa substância provoca diabetes e, consequentemente, problemas cardiovasculares.

Fonte: Fatos Desconhecidos .

Trabalhar demais é tão ruim para a carreira quanto para a saúde

Você é um workaholic? Más notícias: não é mais só seu médico que vai brigar com você por virar a noite trabalhando – mas seu chefe, por incrível que pareça, também. Segundo um novo estudo da City University, de Londres, exagerar no trabalho na verdade faz mal para a carreira.

Para chegar a essa conclusão curiosa, os pesquisadores analisaram os efeitos do trabalho exagerado sob dois pontos de vista: o do bem-estar (estresse, fadiga e satisfação profissional) e o dos resultados na carreira (segurança no emprego, reconhecimento e perspectivas de promoção). Eles usaram dados de mais de 50 mil pessoas de 36 países europeus, e incluíram variáveis como se o trabalho envolvia mais esforço físico ou intelectual e o quão livre o funcionário é no quesito horários de expediente.

Fonte: Super Interessante.

Rugas na testa podem indicar como anda a saúde do seu coração

Aquelas rugas de preocupação na sua testa indicam muito mais do que o nível de stress da sua vida: elas podem ser um sinal de como anda sua saúde cardiovascular. É o que descobriram cientistas franceses em um estudo apresentado, no último domingo (26), no congresso anual da Sociedade Europeia de Cardiologia.

A ideia de que o diagnóstico do risco cardíaco pode ir além de exames de colesterol e pressão não é nova – pesquisas anteriores já demonstraram que existe um elo entre a saúde do coração e manifestações como calvície, vincos nos lóbulos das orelhas e xantelasma (pequenas bolinhas que surgem na área dos olhos e que são formadas por gordura e colesterol).

Agora, um grupo de especialistas da Universidade de Toulouse, na França, investiga se as linhas de expressão da testa também podem sinalizar como está a saúde do coração. Para isso, eles acompanharam, por 20 anos, 3.200 pessoas que tinham de 32 a 62 anos de idade no início da investigação. De tempos em tempos, os participantes eram avaliados pelos cientistas e ganhavam notas de acordo com o número e a profundidade das rugas da testa – a mínima era 0 (sem marcas) e a máxima, 3 (muitas rugas).

Após duas décadas, os experts concluíram que os voluntários com nota 1 tinham um risco ligeiramente maior do que aqueles cuja pele era lisinha. Já as pessoas com notas 2 e 3 eram dez vezes mais propensas a sofrer um piripaque cardíaco do que aquelas que não apresentavam marcas. A probabilidade se manteve mesmo depois que os cientistas consideraram fatores de risco como idade, pressão arterial, gênero e se o indivíduo fumava ou era diabético.

Os mecanismos que explicam a possível relação entre as rugas e a saúde do coração ainda são desconhecidos, mas os pesquisadores têm uma teoria. A explicação se daria pelo fato de o stress oxidativo e a perda de colágeno (processos que se intensificam com o envelhecimento) participarem não só da formação de rugas, mas também do surgimento da aterosclerose. Trata-se de uma condição em que placas de gordura se depositam nas paredes das artérias e que, a longo prazo, pode provocar infarto e derrame, por exemplo.

Outra possível explicação é que, por serem muito pequenas, as veias da testa podem ser mais sensíveis à deposição de placas de gordura – ou seja, elas seriam uma evidência a olho nu de que a saúde vascular não está lá essas coisas.

Mas é claro que as rugas não são indicadores mais importantes do que aqueles obtidos em exames específicos. Os autores, no entanto, acreditam que elas podem ajudar no diagnóstico. “É a primeira vez que essa relação é estabelecida, então ela precisa ser confirmada em estudos futuros. Mas é uma prática simples e barata que poderia ser adotada pelos médicos”, comenta Yolande Esquirol, principal autor do artigo.

Para manter-se saudável (e com um rostinho bonito), é fundamental comer de forma equilibrada, praticar atividade física e, sempre que possível, relaxar o corpo e a mente – só assim seu coração vai seguir batendo firme e forte e as rugas de preocupação nem vão pensar em dar as caras.

Fonte: Super Interessante.

10 dicas para perder peso com atividades do dia a dia

Se você está em plena dieta e já começou a perder algum peso, estas dicas podem maximizar seus esforços e a velocidade dos seus resultados. Conheça algumas estratégias bem-sucedidas para cortar calorias e queimar gorduras, que gastam só 60 segundos para serem executadas.

  1. Coloque mais água no suco
    Utilize mais água em seu suco, do que frutas. Faça-o como se fosse um refresco. Assim, a quantidade de açúcares da bebida se reduzirá pela metade.
  2. Ande enquanto faz suas tarefas
    Se você fizer pequenas caminhadas pela casa enquanto lava a roupa, você gasta 68 calorias. Pondo a mesa, 85. Nessas pequenas ações, você perde cinco quilos ou mais em um ano.
  3. Aprenda sobre o que te faz ou não engordar
    A princípio, uma barra de chocolate pode conter 220 calorias. Mas um olhar mais atento pode revelar que uma garrafa de suco, um pacote de biscoitos ou até um pacote de nozes pode conter as mesmas calorias. Não se trata do que você come, e sim, do quanto come.
  4. Beba chá verde antes de uma caminhada
    A cafeína libera ácidos graxos para que você queime gorduras mais facilmente. E os polifenóis (substâncias antioxidantes) do chá verde aparecem para trabalhar com a cafeína, e ajudar na queima de calorias. (Se você tem pressão alta, pule esta dica).
  5. Aproveite a comida do almoço no jantar
    Jantar fora mais do que cinco vezes por semana pode fazer você comer mais – cerca de 300 calorias por dia – do que se você comer fora com menos frequência. Além disso, aproveitar a comida do almoço, em vez de jogá-la fora, é ecologicamente correto.
  6. Polvilhe linhaça nos cereais da manhã
    Rica em fibra, a semente de linhaça moída pode ajudar a reduzir o apetite e a eliminar calorias. Adicione ao iogurte, pães e até em vitaminas e sucos. Fica delicioso e nutritivo!
  7. Agende um exame de sangue
    Cerca de 1 em cada 12 mulheres (a maioria das quais não sabem) tem um sub ativo da tireóide, o que pode desacelerar seu metabolismo. Descubra já se esse é o seu caso. Consulte um endocrinologista.
  8. Use uma garrafa de água maior
    Compre uma garrafa maior de água – e ande com ela. Assim, você se obrigará a beber mais água durante o dia. A água é uma forte aliada no combate à gordura!
  9. Coma pedaços grandes de legumes
    Coma cenouras inteiras, aipo, batata-doce, abobrinha ou outros legumes em vez de ralá-los ou cortá-los em pedaços pequenos. É preciso mais esforço para mastigar pedaços maiores, assim, você mastigará mais, e seu corpo entenderá que você comeu mais comida (sentindo-se, assim, mais satisfeita).
  10. Saiba o que você anda comendo
    Anotar o que você come pode ajudá-la a cortar calorias e ficar no controle da situação, porque você se torna mais ciente do que está ingerindo.
   Fonte: Dicas de Saúde.

Sinais que o corpo emite quando necessita de vitaminas

Algumas pessoas sofrem ou já sofreram por falta de alguma vitamina no organismo, causando muitos efeitos desagradáveis no corpo. A alimentação é a principal fonte de vitaminas para o corpo humano, por esse motivo devemos ter uma alimentação saudável e balanceada para um bom funcionamento perfeito do organismo.

Na ausência de alguma das vitaminas essenciais ou algum outro problema o corpo humano emite um sinal de alerta, na duvida sempre consulte um médico.

Conheça alguns sinais que o corpo dá quando está deficiente de alguma vitamina:

1. Rachaduras nos cantos da boca

Rachaduras nos cantos da boca indicam que o corpo está sentindo falta de vitaminas B3, B2 e B12, que são ricas em ferro e zinco. Tente comer mais aves, peixe (salmão), ovos, feijões e nozes. É recomendável a combinação desses alimentos com vegetais, pois a vitamina C ajuda a combater infecções e melhora o metabolismo do ferro.

2 - Perda de cabelo

A razão pode ser falta de vitamina B7 (biotina), que atua na formação da pele, unhas e cabelo, por exemplo. Os sintomas da deficiência de biotina incluem cabelos e unhas frágeis, erupções cutâneas, depressão, apatia, formigamentos e alucinações. Para aumentar o consumo de B7, coma mais amêndoas, soja, batata, bananas, nozes, ervilha, cenoura, aveia, e evite o cigarro.

 3 - Cãibras

Cãibras frequentes significam que seu corpo está com falta de cálcio, magnésio e potássio. Isso pode acontecer se você praticar muitos esportes, pois muitos minerais são expelidos no suor. Para ajudar na solução do problema, coma mais nozes, abóbora, banana e maçã.

4 - Mancha nos dentes

Podem ser causadas por deficiência de vitamina D. Pesquisas mostraram que pessoas com falta de vitamina D frequentemente sofrem de periodontite, que é uma infecção gengival grave. Uma dieta que inclui alimentos ricos em cálcio, fósforo e vitamina D é muito importante para a saúde dos dentes. Coma produtos lácteos, arroz integral, tomate, feijão, peixe, frutas cítricas e uvas.

5 - Olhos amarelados

A falta de vitamina B12 pode causar esse problema. Inclua mais fontes dessas vitaminas na sua dieta, consumindo figado, leite, salmão, atum e carneiro. Essa vitamina previne problemas cardíacos e derrame cerebral, e é necessária para uma boa manutenção do sistema nervoso.

6 - Dormência nos seus membros

Não come alimentos ricos em vitaminas B6, B12 e B9 (ácido fólico) é um dos motivos para sentir essas dormência. Essas vitaminas influenciam na produção de células sanguíneas saudáveis, que são necessárias para o transporte do oxigênio para as células. Para melhorar o problema, coma mais feijão, frutas cítricas, frutos do mar e aves.

Fonte: Tudo Interessante.

Síndrome das pernas inquietas está ligada alterações no cérebro, indica estudo

De acordo com um estudo publicado na revista "Neurology", da Academia de Neurologia dos Estados Unidos, pessoas que sofrem com a síndrome das pernas inquietas apresentam uma redução significativa da espessura do tecido cerebral.

Para chegar a essa descoberta, os pesquisadores analisaram 28 indivíduos com sintomas graves da síndrome, que sofreram com o transtorno, em média, por cerca de 13 anos. Esse grupo foi comparado a outro de 51 pessoas da mesma faixa etária que não apresentavam o transtorno.

Após realizar ressonâncias magnéticas nos dois grupos distintos, os cientistas constataram que aqueles com a síndrome das pernas inquietas apresentavam, em comparação com pacientes saudáveis, uma redução de 7,5% na espessura média do tecido cerebral do córtex somatossensorial, área responsável por ler sensações, como toque, movimento e temperatura.

Além disso, as pessoas que sofrem com o transtorno também tiveram uma diminuição em uma parte do cérebro onde fibras nervosas fazem a conexão entre um lado e outro do órgão. Os cientistas não descartam que os sintomas da síndrome estejam relacionados a disfunções em outras partes do sistema sensorial.

"Essas mudanças estruturais tornam ainda mais convincente que os sintomas da síndrome das pernas inquietas são decorrentes de mudanças únicas no cérebro e fornecem uma nova área de foco para entender a síndrome e possivelmente desenvolver novas terapias", disse Byeong-Yeul Lee, autor do estudo.

O que é a síndrome das pernas inquietas?

A síndrome das pernas inquietas é uma condição em que a pessoa tem uma vontade incontrolável de mexer as pernas e as move involuntariamente. Normalmente esse movimento ocorre principalmente quando a pessoa está dormindo, atrapalhando a qualidade do seu sono.

Não se sabe ao certo qual é a causa da síndrome das pernas inquietas, alguns especialistas suspeitam que esteja relacionada com algum desequilíbrio da dopamina no cérebro, que manda as mensagens que controlam os movimentos musculares do corpo.

Fonte: Minha Vida.

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

Macarrão é considerado

Estudo realizado pela “British Medical Journal” afirmou nesta terça-feira (3) que o macarrão não é um vilão na alimentação se aliado a uma dieta saudável, pela facilidade de absorção na corrente sanguínea ele induz menos picos de açúcar. 

Essa característica do macarrão é importante para as dietas, já que o pico de açúcar no sangue induz á maior produção de insulina, que quando maior a produção de insulina, maior é o apetite após a ingestão do alimento e maior a possibilidade de armazenamento de gordura. 

“O estudo mostra que as massas não contribuem para o ganho de peso ou aumento da gordura comporal” disse Sievenpiper, autor do estudo, em nota

Os pesquisadores do Hospital St. Michael no Canadá compararam pessoas que comeram o alimento com aquelas que não incluía o alimento à dieta. A pesquisa tinha como objetivo demonstrar e a adoção de uma dieta com macarrão contribuía para o ganho de peso. 

"Podemos agora dizer com alguma confiança que a massa não tem um efeito adverso sobre os resultados do peso corporal quando é consumida como parte de uma dieta saudável", disse Sievenpiper, em nota.

Fonte : Gazeta Web.

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

Sinais que o corpo emite quando necessita de vitaminas

Algumas pessoas sofrem ou já sofreram por falta de alguma vitamina no organismo, causando muitos efeitos desagradáveis no corpo. A alimentação é a principal fonte de vitaminas para o corpo humano, por esse motivo devemos ter uma alimentação saudável e balanceada para um bom funcionamento perfeito do organismo.

Na ausência de alguma das vitaminas essenciais ou algum outro problema o corpo humano emite um sinal de alerta, na duvida sempre consulte um médico.

Conheça alguns sinais que o corpo dá quando está deficiente de alguma vitamina:

1. Rachaduras nos cantos da boca

Rachaduras nos cantos da boca indicam que o corpo está sentindo falta de vitaminas B3, B2 e B12, que são ricas em ferro e zinco. Tente comer mais aves, peixe (salmão), ovos, feijões e nozes. É recomendável a combinação desses alimentos com vegetais, pois a vitamina C ajuda a combater infecções e melhora o metabolismo do ferro.

2. Perda de cabelo

A razão pode ser falta de vitamina B7 (biotina), que atua na formação da pele, unhas e cabelo, por exemplo. Os sintomas da deficiência de biotina incluem cabelos e unhas frágeis, erupções cutâneas, depressão, apatia, formigamentos e alucinações. Para aumentar o consumo de B7, coma mais amêndoas, soja, batata, bananas, nozes, ervilha, cenoura, aveia, e evite o cigarro.

3 – Cãibras

Cãibras frequentes significam que seu corpo está com falta de cálcio, magnésio e potássio. Isso pode acontecer se você praticar muitos esportes, pois muitos minerais são expelidos no suor. Para ajudar na solução do problema, coma mais nozes, abóbora, banana e maçã.

4. Mancha nos dentes

Podem ser causadas por deficiência de vitamina D. Pesquisas mostraram que pessoas com falta de vitamina D frequentemente sofrem de periodontite, que é uma infecção gengival grave. Uma dieta que inclui alimentos ricos em cálcio, fósforo e vitamina D é muito importante para a saúde dos dentes. Coma produtos lácteos, arroz integral, tomate, feijão, peixe, frutas cítricas e uvas.

5. Olhos amarelados

A falta de vitamina B12 pode causar esse problema. Inclua mais fontes dessas vitaminas na sua dieta, consumindo figado, leite, salmão, atum e carneiro. Essa vitamina previne problemas cardíacos e derrame cerebral, e é necessária para uma boa manutenção do sistema nervoso.

6. Dormência nos seus membros

Não come alimentos ricos em vitaminas B6, B12 e B9 (ácido fólico) é um dos motivos para sentir essas dormência. Essas vitaminas influenciam na produção de células sanguíneas saudáveis, que são necessárias para o transporte do oxigênio para as células. Para melhorar o problema, coma mais feijão, frutas cítricas, frutos do mar e aves.

Fonte: Tudo interessante.

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

Consumo de uvas combate problemas no estômago e trata úlceras e gastrites

As uvas são um fruto muito apreciado por várias pessoas. Este fruto tem na sua constituição carboidratos, iodo, fósforo, proteínas e vitaminas A, B e C, sendo por isso muito benéfico para a nossa saúde. São muitas as propriedades benéficas desta fruta e o consumo regular pode ajudar a prevenir vários problemas de saúde, como por exemplo, complicações cardíacas, tensão/pressão alta, problemas de estômago e nos rins, entre muitos outros. 

São ainda muito eficazes em problemas no estômago, ajudando no tratamento de úlceras e gastrites. As uvas também ajudam a melhorar o funcionamento do fígado e dos rins, auxiliando na eliminação de ácido úrico. São uma rica fonte de energia, ajudam a purificar o organismo e estimulam o sistema digestivo. São também muitas vezes recomendadas em dietas de emagrecimento. De qualquer modo é bom ter em atenção que as uvas brancas não têm o mesmo efeito das pretas, pois essas não contêm flavenóides que atuam como anti-inflamatórios e ajudam a proteger o organismo. Recomenda-se por isso, que escolha sempre as uvas pretas.

Os 12 Benefícios do Maxixe Para Saúde

Os Benefícios do Maxixe Para Saúde são variados. Pois, o Maxixe possui uma grande quantidade de nutrientes que são essenciais para saúde geral do corpo. Além disso, o Maxixe chegou ao Brasil trazido pelos escravos, é proveniente da África, e tornou-se muito conhecido no Nordeste, sendo ingrediente típico daquela culinária. No entanto, o Maxixe ainda é uma hortaliça pouco utilizada pela região centro-sul do nosso país.

Na composição do Maxixe, encontramos Cálcio, Fósforo, Vitamina CMagnésioFerro e Zinco, além de vitaminas B e Beta-Caroteno. Possui formato oval, com casca irregular que aparenta espinhos e a cor varia entre verde claro e escuro.

Fonte: saudedica.

Conheça as propriedades nutricionais do maracujá e de sua casca

O Maracujá é uma fruta rica em vitamina C , vitaminas do complexo B , vitamina A , ferro, cálcio, fosforo e fibras.A casca do maracujá , geralmente ignorada pela maioria das pessoas, é riquíssima em propriedades nutricionais funcionais e antioxidante como a pectina e vitaminas e minerais com alto poder desintoxicante.

Sendo assim o maracujá auxilia varias funções orgânicas e reações químicas no nosso organismo, entre elas ele age como:- A vitamina A age como Protetora da pele e visão função exercida pela ;- As vitaminas A, C e B favorecem o metabolismo e as reações enzimáticas do organismo como um todo ;- A Niacina (vitamina B3) é Auxiliadora na síntese de proteína , importante para atletas e pessoas com necessidade de aporte proteico aumentado na dieta;

 Graças a sua riqueza em vitamina C é considerada um potente antioxidante que combate radicais livres, fortalece o sistema imunológico, auxiliando no combate as infecções e aumenta a absorção de minerais como ferro, zinco e magnésio quando consumido perto das grandes refeições.

- Protetor ósseo e tecidos. A pectina , presente na casca do maracujá , é uma fibra solúvel que atua na redução da absorção de glicose sanguínea , auxiliando em dietas de emagrecimento , diabetes e colesterol. A farinha de maracujá ou também conhecida como fibra de maracujá foi desenvolvida com a casca do maracuja mais rica em pectina , sendo muito indicada na nutrição funcional para diabetes e dietas de emagrecimento.

Além disso tudo o maracujá contem uma substância chamada passiflorina que age como calmante . Já as sementes do maracujá são poderosos vermífugos da dieta.Pode ser consumido puro de colher ou por cima de iogurtes com granola, como sucos , refrescos, gelatinas, sobremesas e também como tempero de salada . A fruta deve ser mantida em local arejado que não bata sol ou na geladeira

Fonte: Site Nutrição e Ação

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

Saiba quais as comidas que devem ser evitadas antes de malhar

Não é só o pós-treino que é essencial para uma boa atividade física. O pré-treino se torna ainda mais importante para que sua malhação fique de forma eficiente. Caso não seja feito de forma balanceada, o lanche pode não fornecer a quantidade de calorias e energia necessária para deixar seu corpo ativo, o que pode resultar em fraqueza, mal estar e até desmaios.

Além dos alimentos que devem ser incluídos no pré-treino, existem aqueles que devem ser evitados a qualquer custo. Como os músculos necessitam de muita irrigação sanguínea, alimentos muito pesados farão com que seu estômago trabalhe muito mais e, por consequência, precise de mais sangue para fazer a digestão. Segundo o site My Fitness Pal, existem nove alimentos que você deve evitar antes de fazer seus exercícios:

1. Feijões, quer seja na sopa, feijão à brasileira, hamburguer de feijão ou em burritos. Como são ricos em fibras, os feijões podem dar trabalho para o corpo digerir.

2. Vegetais crudíveros. Brócolis, couve-de-bruxelas, bok choy, repolho e couve-flor são vegetais muito saudáveis, mas o ácido sulfúrico destes alimentos pode causar gases em algumas pessoas, o que não é agradável.

3. Laticínios. Quem é intolerante à lactose deve evitar queijos moles e leite, sob risco de terem indigestão. Kefir, iogurte, queijos curados e leite sem lactose são permitidos.

4. Frituras e comidas gordurosas. Hamburguer, batata-frita e pizza são repletos de gordura saturada e permanecem no sistema digestivo por muito tempo, por serem difíceis de digerir.

5. Bebidas gaseificadas. Refrigerantes e água com gás expandem o estômago e podem dar muito disconforto, indigestão e flatulência. Melhor evitar.

6. Álcool. Durante o exercício, o corpo precisa de hidratação e o álcool faz exatamente o contrário: desidrata. E, claro, você pode se machucar feio.

7. Suco 100% de fruta. Por ser rico em frutose, o suco de fruta não é de fácil digestão.

8. Sobremesas. Tortas, bolos, sorvetes... todos esses devem ser evitados (mesmo!), por serem ricos em gorduras.

9. Comidas apimentadas. Como estimulam o sistema digestivo, as comidas apimentadas não são facilmente digeridas e não devem entrar no cardápio pré-treino.

Fonte: Com informações do Noticias ao Minuto

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

Sorrir faz bem para sua saúde e pode te proteger contra gripe

Sorria, isso pode salvar a sua vida. Essa pode parecer mais uma frase clichê de livros de autoajuda, mas, agora, dizer que "sorrir faz bem para a saúde" tem respaldo científico. De acordo com um novo estudo britânico, o bom humor pode ter influência direta no sistema imunológico do ser humano e ajudar a combater doenças, como a gripe.

A pesquisa mostrou que pessoas que estão felizes no dia em que recebem a vacina anual contra a gripe desenvolvem defesas de anticorpos mais fortes do que pacientes que simplesmente se sentem bem. Segundo os pesquisadores da Universidade de Nottingham, que chegaram à conclusão de que sorrir pode ter efeito positivo, é preciso que a pessoa se sinta felizes no dia em que recebeu a vacina e não apenas no momento em que ela foi aplicada.

Em outras análises anteriores, os cientistas já avaliaram quais os danos que as emoções negativas provocam no organismo humano. Estar chateado ou deprimido pode aumentar significativamente o risco de hipertensão arterial e doenças cardiovasculares, por exemplo.

Nesse trabalho, os hábitos de vida positivos foram largamente ignorados nas comparações. Mas, evidências emergentes sugerem que ser positivo pode aumentar a qualidade de vida e saúde de várias maneiras.

Sorrir pode combater a gripe 

Kavita Vedhara, professora de psicologia da saúde que liderou o estudo da Universidade de Nottingham, examinou anteriormente como o estresse pode prejudicar o sistema de defesa, especificamente em pessoas que estão sob estresse significativo pelo fato de cuidar de seus entes queridos.

"Descobrimos que eles ficaram piores do que o normal quando receberam vacinas contra a gripe, produzindo menos anticorpos contra o vírus", declarou ela.

A explicação é porque as vacinas contêm uma versão inativa de um vírus que treina o sistema imunológico para reconhecer o vírus vivo e atacá-lo. Quanto mais anticorpos são produzidos, mais poderosa será a defesa contra a infecção.

Para realizar essa pesquisa, a equipe de pesquisadores examinou um grupo de 138 adultos entre 65 e 85 anos, e mediu seus estados emocionais durante um período de seis semanas.

Os resultados vieram como uma completa surpresa. "Esperávamos encontrar vários fatores capazes de melhorar a resposta dos anticorpos humanos à vacinação. Só não achávamos que seria apenas um único fator, o de ter um humor positivo", disse a professora.

Fonte: iG

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

Saiba os alimentos que devem ser incluídos durante o café da manhã

A maioria dos nutricionistas afirmam que o café da manhã é uma refeição importante e essencial. O nutricionista londrino Rob Hobson fez duas listas que incluem 4 alimentos que devem ser colocados no cafe da manhã e uma segunda lista que mostra o deve ser eliminado da primeira refeição do dia.

1. Frutas

O nutricionista afirma que elas são bem-vindas na primeira refeição do dia. Ele diz que jamais aconselharia alguém a deixar de comer frutas, pois elas contém alto nível de nutrientes bons como vitaminas, minerais e fitonutrientes que protegem o organismo contra diversos males.

Mas, o nutricionista diz que pensando no pico de glicemias é bom combiná-las com cereais, ricos em fibras e proteínas para que a absorção do açúcar no organismo seja mais lenta. Ele sugere que um mingau de aveia incrementado com frutas como banana e para variar pode ser usado um leite de vegetal.

O nutricionista diz que os sucos de frutas merecem mais atenção, até mesmo os naturais, pois eles resultam em uma grande concentração de açúcar típicos de frutas e ainda eliminam casca e bagaço, partes geralmente ricas em nutrientes. O recomendado é que essas bebidas sejam ingeridas apenas uma vez durante o dia.

2. Ovos

O nutricionista afirma que eles são perfeitos para o café da manhã. "Ovos são os melhores para o café", diz Hobson.

O nutricionista sugere que eles podem ser preparados mexidos ou na versão poché e ainda podem ser combinados com torradas de grãos integrais. A sugestão é de que ainda podem ser incluido um vegetal ou legeme nos ovos mexidos e até mesmo tomates picados. Com isso terá uma fonte de carboidrato complexo - a torrada integral - e de proteína - os ovos.

Hobson revela ainda que ingerir ovos pela manhã é bom para quem quer emagrecer, pois ajudam a manter a saciedade por mais tempo. E segundo ele, estudos apontam que quem consome ovos na primeira refeição come menos ao longo do dia.

3. Avocado

Essa é uma fruta que é prima do abacate e é mais comum fora do Brasil, mas que também pode ser encontrado por aqui. O nutricionista afirma que ela pode ser combinada com torradas de grãos integrais.

4. Castanhas

O nuticionista diz que ela pode ser usada para complementar aquele mingau de aveia citado no item 1, pois ela é um exemplo de gordua boa.

O que deve ser eliminado no café da manhã

1. Cereais matinais

O nuticionista destaca que muitos desses produtos são repletos de açúcar e, por esse motivo, trazem mais prejuízos do que benefícios ao organismo e também à boa forma. Açúcar em excesso no organismo é acumulado e vira gordura nas células.

A dica de Hobson é que se realmente for fã de cereal ao comprá-lo ler bastante o rótulo do produto. Ele conta que os ingredientes são dispostos de acordo com a quantidade presente, do que tem mais para o que tem menos. Se o açúcar estiver logo no começo, essa não é uma boa opção. Estamos falando de cereais, então os primeiros itens devem ser os grãos integrais.

2. Barrinha de cereal

Outro item que pode ser muito prático, mas traz os mesmos problemas do primeiro item dessa lista do que riscar do café da manhã. E um dos conselhos se ainda quiser o produto também é mesmo: atenção aos ingredientes descritos no rótulo. Hobson sugere preparar a própria barrinha de cereal, assim não há riscos de consumir um item com cara de saudável, mas cheio de armadilhas.

"Ao fazer sua barrinha, você controla quantidade de açúcar e o sabor adicionando doçura com óleo de coco, essência de baunilha, frutas secas e temperos como canela", detalha o nutricionista.

3. Bebidas de cereais

Mais um alimento prático e facilmente encontrado nos supermercados, mas que também é rico em açúcar. De acordo com o especialista, eles até são fontes de fibras e proteína, mas não compensam justamente pela quantidade elevada de açúcar.

4. Geleias

Aquela mesa de café da manhã linda de hotel geralmente tem diversas geleias como opção para acompanhar as torradas e pãezinhos. Nos Estados Unidos e na Europa a geleia faz parte do cardapio de muitas famílias. Ainda assim, não são boas escolhas para começar o dia. E a essa altura você imagina o porquê disso, não é mesmo? Sim, o açúcar! Se quiser uma geleia, prepare em casa ou procure as versãos mais naturais e sem adição de açúcar no preparo. Lojas que vendem produtos naturais e grandes redes de supermercados costumam ter boas opções.

5. Preparos instantâneos

Segundo o nutricionista, é comum apostar em um minguau instantâneo para o café, mas esse item também não é nada bem-vindo. Produtos assim geralmente são ricos em conservantes e sódio. A recomendação de Hobson aqui, e também em todos os itens, é investir um tempinho na cozinha e preparar o café da manhã com ingredientes frescos em casa. Esses minutinhos a mais resultarão em mais saúde e até uns quilinhos a menos.

Fonte: ig

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

É possível aliviar enxaqueca e cefaleia com auto massagem? Veja dica

"Massagear a cabeça durante alguns minutos é o suficiente para diminuir a tensão, melhorar a circulação e combater a dor da enxaqueca", garante a fisioterapeuta Fernanda Ferrari, do Spa Kyron (SP). Isso porque o crânio é repleto de pontos energéticos que, quando ativados, levam ao equilíbrio corporal.

O melhor momento para praticar é no banho, pois a água quente ajuda a relaxar. Quem quiser tentar pode repetir os passos sugeridos pela especialista: 

1. Com as mãos abertas, faça movimentos circulares ascendentes nas laterais da cabeça e acima da testa.

2. Dedilhe todo o crânio bem de leve.

3. Dê suaves puxões no cabelo para promover o curso sanguíneo.

4. Aperte e solte a região com pressão moderada.

Fonte: UOL.

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

Castanha de caju é saudável, mas deve ser consumida com moderação

Bastante rica em nutrientes, a castanha de caju oferece inúmeros benefícios à saúde por meio dos antioxidantes, vitamina E, magnésio, potássio, fósforo e fibras. Essas substâncias previnem o envelhecimento das células, são necessários à formação dos glóbulos vermelhos e de tecido muscular, ajudam no controle da pressão arterial, atuam na formação de ossos e dentes e ajudam no funcionamento intestinal.

O ômega 3 está presente também nas castanhas e ajudam a potencializar o sistema imunológico, além de diminuir o colesterol total, o colesterol ruim (LDL) e os triglicérides sendo, portanto, protetores do coração. Possuem também uma alta concentração de ferro e sua quantidade se equipara ao fígado, que é referência alimentar no caso de anemia (mas não deveria ser, já que tem um monte de cacareco, já que é o órgão que filtra inúmeras substâncias). Por conter fósforo, ajuda a inibir o cansaço, além de ajudar no desempenho físico, já que o mineral atua na contração muscular, na transmissão de impulsos nervosos do cérebro para o restante do corpo e na secreção de hormônios.

No meio de tanta coisa boa, tinha que ter algo para “estragar” que, no caso, é seu alto valor calórico. Uma unidade de cerca de 2,5g tem 15 calorias. Sendo assim, a quantidade a ser consumida deve ser pequena, mas isso não pode anular a sua ingestão, nem mesmo em dietas de emagrecimentos.

A recomendação é consumir em torno de 10 unidades, cerca de 25g, duas vezes na semana. A versão torrada é a melhor forma, visto que as caramelizadas e com chocolate são adicionadas de gordura e de açúcares.

Para armazenar, mantenha elas distante da umidade, para não permitir o crescimento de microrganismos. O melhor é comprar em embalagens fechadas e identificadas mas, se for comprar a granel, repare se o recipiente em que se encontra a castanha está limpo, sem presença de água e tampado, o que garante a não contaminação da mesma.

Fonte: Entre legumes e verduras

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez

Para quem faz dietas, conheça os tipos de carne que não engordam

Na carne podemos encontrar vitaminas que promovem sensação de saciedade, e minerais que fortalecem os ossos, mas seu consumo tem que ser controlado. Muitas pessoas acham estranho adicionar carnes nas dietas. Mas as que possuem menos gordura não comprometem a alimentação saudável.

As carnes dependendo do pedaço, podem fornecer energias essenciais para atividades físicas e melhora a circulação sanguínea evitando entupimento nas artérias. As carnes possuem ferro que é importante contra a anemia. Caso esteja começando uma dieta, é preferível que se oriente com um médico.

Veja os tipos de carne que não engordam:

Peixe, peito de frango, peito de peru, carne bovina sem gordura, hamburgueres de peixe ou frango. Essas carnes são saborosas e não afetam a rotina de emagrecimento. 

Fonte: Seu Corpo Perfeito.

Curta nossa fanpage no Facebook: www.facebook.com/reporterdez