Logotipo R10
Trabalhar demais é tão ruim para a carreira quanto para a saúde

Você é um workaholic? Más notícias: não é mais só seu médico que vai brigar com você por virar a noite trabalhando – mas seu chefe, por incrível que pareça, também. Segundo um novo estudo da City University, de Londres, exagerar no trabalho na verdade faz mal para a carreira.

Para chegar a essa conclusão curiosa, os pesquisadores analisaram os efeitos do trabalho exagerado sob dois pontos de vista: o do bem-estar (estresse, fadiga e satisfação profissional) e o dos resultados na carreira (segurança no emprego, reconhecimento e perspectivas de promoção). Eles usaram dados de mais de 50 mil pessoas de 36 países europeus, e incluíram variáveis como se o trabalho envolvia mais esforço físico ou intelectual e o quão livre o funcionário é no quesito horários de expediente.

Fonte: Super Interessante.