Logotipo R10
NOTA DE ESCLARECIMENTO: Piripiri não perdeu nenhuma equipe de saúde ativa

Ao contrário do divulgado em alguns meios de comunicação, com conotação política, a gestão municipal vem esclarecer que o município de Piripiri não perdeu nenhuma equipe de saúde ativa e financiada.

Em 2017 a gestão recebeu a saúde municipal com 31 ESF credenciadas (teto máximo para nosso contingente populacional) e destas, existem em funcionamento 25 ESF (Saúde da Família), 25 ESB (Saúde Bucal) e 156 ACS (nestes incluem-se 04 EACS (Banda, Pé do Morro, Quebradas e Baixão), ativas, com informação regular de produção e financiamento tripartite pelo Ministério da Saúde.

As equipes que foram descredenciadas pelo Ministério da Saúde, em todo o Brasil, não existiam e muito menos haviam recursos alocados para os municípios. Apenas estavam credenciadas, com previsão orçamentária, mas em muitos lugares sem a necessidade prática de implantação.

Piripiri é uma cidade que já possui, com as 25 equipes de saúde da família, cobertura 100% na atenção básica de acordo com o Ministério da Saúde (veja em https://goo.gl/KSn83Y). Ou seja, em Piripiri não há déficit de cobertura desde 2012. A população não aumentou, havendo apenas o deslocamento de pessoas de uma região para outra, continuando com assistência básica dentro da expectativa do Ministério da Saúde.

O processo de expansão de unidades de saúde da família no território deve ser realizado de modo racional e exequível. Portanto, a notícia propagada foi mais uma irresponsabilidade de uma oposição que tenta, a todo momento, confundir a população de Piripiri.