Logotipo R10
Paróquia assiste cerca de 40 pessoas com Projeto Dar de Comer a Quem Tem Fome

Há dois anos, a Paróquia de Nossa Senhora dos Remédios realiza uma ação em prol das pessoas afastadas de suas famílias por problemas como dependência química. Trata-se do Projeto Dar de Comer a Quem Tem Fome, que oferece almoço, acompanhamento de saúde, psicológico e momentos de espiritualidade no prédio do antigo Jovens Amigos de Cristo (JAC), no centro de Piripiri. 

O Projeto nasceu no período da Quaresma no ano de 2016 - ano da Misericórdia para a Igreja Católica - e oferece uma refeição por dia (almoço), mas, além disso, faz atendimentos na área da saúde, psicologia e atenção dos voluntários.

Os assistidos também participam de palestras sobre dependência química e alguns já foram encaminhados para a Fundação Monte Tabor para um tratamento especializado, em regime de internato, na comunidade Sertão de Dentro, zona Rural do município.

O pároco Frei Fernandes de Morais destaca que o projeto é realizado de segunda a sexta-feira com a ajuda de 20 pessoas, voluntários da Paróquia de Nossa Senhora dos Remédios, que preparam os alimentos, organizam o almoço e as atividades, sob a coordenação de Raimunda Marcelino.

“Cada dia é um grupo diferente. Com a graça de Deus e com a ajuda de alguns amigos, que nos ajudam doando os alimentos, nós temos feito a nossa parte que é dar de comer a quem tem fome. Em geral, são pessoas que não conseguem voltar para casa, mesmo tendo familiares aqui, mas favorece, também, aquelas pessoas que passam pela cidade, os peregrinos e os andarilhos”, destaca Frei Fernandes.

O religioso explica que, aos sábados e domingos, os atendidos são aconselhados a retornarem para seus lares, para o convívio de seus familiares. “Nós já registramos muitos casos de pessoas que já foram reinseridas nas famílias, mas que não deixam de participam desse projeto”, frisa o pároco.