Logotipo R10
Juiz do TRE reprova prestação de contas de três deputados estaduais

O juiz Francisco Hélio Camelo Ferreira, do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE/PI), desaprovou a prestação de contas de três deputados estaduais, de acordo com publicação do Diário da Justiça Eleitoral. Estão em pendência com a Justiça Eleitoral, Merlong Solano (PT), Gustavo Neiva (PSB) e Wilson Brandão (PSB). Os dois últimos foram reeleitos para a Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi).

No processo de Gustavo Neiva, por exemplo, o juiz encontrou falhas como omissão de receitas e despesas, comprometimento da confiabilidade das contas e inviabilidades de aplicação dos princípios de razoabilidade. Já em relação a Wilson Brandão, o magistrado disse que a confecção de cavaletes estava sem registro do serviço correspondente de colocação e retirada da propaganda, além da ausência de declaração de receitas ou despesas com a instalação de comitê de campanha.

No caso de Merlong Solano, o relator do processo alega que foram feitas receitas e despesas antes da entrega das prestações de contas parciais e não declaradas ao tempo em que as mesmas foram protocolizadas.

O suplente de deputado estadual Sérgio Bandeira (PSDC) também teve suas contas rejeitadas, só que agora pelo juiz  José Vidal de Freitas Filho. Segundo ele, os valores atribuídos a algumas receitas estimadas estão claramente subavaliados e o candidato, embora regularmente diligenciado, não apresentou a fonte de avaliação.

"É uma falha que, além de fragilizar a veracidade das informações prestadas, impossibilita a real aferição da observância, pelos doadores, dos limites legais para doações a que se refere", disse o juiz, que alegou ainda omissão de despesa constatada através do confronto com notas fiscais eletrônicos de gastos eleitorais.

Apesar da desaprovação, os candidatos podem ser diplomados já que vão recorrer da decisão do TRE-PI junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Cidadeverde.com

1º caso de Febre do Nilo do Brasil deve ser confirmado na segunda e é do PI

O Ministério da Saúde e a Vigilância Epidemiológica do Piauí devem anunciar nesta segunda-feira (8) a confirmação do primeiro caso de febre do Nilo no Brasil. Exames iniciais, feitos em outubro, indicaram que um vaqueiro de 52 anos, do município de Aroeiras do Itaim, possuía o vírus. Foram colhidos amostras em insetos que transmitem o vírus e aves onde este poderia estar incubado.  

O neurologista e epidemiologista da FMS, Marcelo Adriano Vieira, explica que o caso ainda é considerado provável, pois protocolos internacionais indicam que devem ser feitos dois exames. Por isso, aguardam o resultado do segundo exame, feito pelo Instituto Evandro Chagas, no Pará, que será divulgado na próxima segunda-feira (8), pelo Ministério da Saúde.

“Não posso me adiantar ao Ministério, mas esperamos que o resultado seja positivo. O trabalho na região onde o paciente mora foi ampliado pra além da fazenda, na cidade e circunvizinhanças. Também foram investigados insetos, aves e animais”, explica o médico.

O paciente teve afetados os seus membros inferiores, fez parte do seu tratamento em Teresina e recupera a mobilidade aos poucos. “Ele já está na cidade dele, em casa. Ainda tem movimentos, mas pernas ainda estão fracas, por isso faz fisioterapia todos os dias. Está se recuperando aos poucos, o quadro está evoluindo”, descreve o médico. 


Mulher é morta por fugitivo de blitz na Ponte da Amizade

A comerciária Joina Tavares Monteiro, que trabalhava na loja Casa da Linhas, no Jockey Clube, na zona Leste de Teresina, morreu ao cair da Ponte da Amizade, quando sua motocicleta sofreu a colisão provocada por um motociclista que fugiu da blitz da Operação Brasil Integrado.Joina Tavares Monteiro estava voltando do trabalho para ir para a casa em Timon e  morreu ao quebrar o pescoço em consequência de uma queda na Ponte da Amizade, que liga Teresina a Timon (MA),  vítima do motociclista que  tentou evitar passar por uma blitz feita pelas Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar, na Operação Brasil Integrado, coordenada pelo Ministério da Justiça.Ponte da Amizade

Segundo testemunhas, o motociclista estava indo em cima da Ponte da Amizade, a Ponte José Sarney, sobre o rio Poti, quando percebeu que a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Militar estavam fazendo blitz, na saída da ponte, na  avenida Piauí, em Timon, e para evitar problemas tentou voltar para trás, mas colidiu sua motocicleta com a motocicleta  de Joina Tavares Monteiro, que  e caiu no lado de Timon, quebrando o pescoço.

Joina Tavares Monteiro  chegou a ser levada para atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Timon (MA), mas não resistiu aos traumas.

As Polícias Militar e Rodoviária do Piauí fizeram blitz na saída da Ponte da Amizade no lado de Teresina, na Avenida Maranhão,. e as Polícias Militar e Rodoviária Federal fizeram blitz na saída da ponte em Timon (MA), na avenida Piauí.Brasil Integrado

Na Operação Brasil Integrado foram presas 14 pessoas no Piauí e Maranhão.O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, vai divulgar o balanço da Operação Integrado em todo o país.

meionorte

Mãe confessa ter matado as filhas em Itaquaquecetuba, segundo polícia

Uma mulher foi presa na manhã desta sexta-feira (5) por suspeita de ter matado as duas filhas estranguladas em Itaquaquecetuba. Segundo a polícia, a dona de casa de 33 anos confessou os crimes. Ela tentou se matar, mas não conseguiu, ainda de acordo com o delegado Deodato Rodrigues Leite, responsável pelo caso.

As duas irmãs, de 5 anos e de 5 meses, foram encontradas mortas no fim da tarde de quinta-feira (4) na casa onde viviam, no Jardim Scafid II. "Nós a interrogamos e ela acabou confessando que matou as duas meninas na manhã de ontem por estrangulamento. Ela retratou com clareza o que aconteceu. Matou primeiro a mais nova, tirou do berço, colocou na cama e estrangulou. Foi, pegou a outra e também estrangulou. O objetivo dela era colocar as duas na cozinha, abrir o gás e morrer também por asfixia. Não conseguiu. Ela foi até o banheiro, se esfaqueou, mas não conseguiu", detalha o delegado.

De acordo com a polícia, depois dos crimes e das tentativas frustradas de suicídio, a mulher trancou a casa e saiu. "Foi embora, primeiro para Arujá e depois para Guarulhos. Aí se jogou contra o taxi". Segundo Leite, ela foi socorrida e levada ao Hospital Geral de Guarulhos, onde foi presa e está sob escolta.

Fonte:g1.com

Sarah Menezes fica sem medalha no Grand Slam de Tóquio

Em busca de uma medalha para fechar o ano, Sarah Menezes sairá do Japão sem ter ido ao pódio. Nesta sexta-feira (5), a campeã olímpica teve de se contentar com o quinto lugar no Grand Slam de Tóquio.

A estreia foi com vitória contra a japonesa Funa Tonaki por dois yukos de vantagem. Porém, na sequência a piauiense foi derrotada pela russa Alesya Kuznetsova por Ippon (por imobilização). 

Sarah Menezes foi para a repescagem e venceu a ucraniana Maryna Cherniak. Mas na disputa pelo bronze, a brasileira cometeu uma punição contra a sul-coreana Kyeong Jeong Bo, que ficou com a medalha. 

O ouro na categoria até 48 quilos ficou com a japonesa Ami Kondo, que na decisão derrotou a compatriota Haruna Asami, medalhista de prata. Na outra disputa pelo bronze, a russa Kuznetsova, que havia vencido Sarah anteriormente, acabou superada pela argentina Paula Pareto.

Para salvar o dia, Rafaela Silva (57kg) conquistou o bronze, primeira e única medalha do Brasil no torneio até o momento. A competição continua no sábado.

Bandido fica entalado em caixa de ar-condicionado e apanha em Manaus

Uma cena inusitada foi registrada por policiais militares da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), nesta quinta-feira (4). Após prenderem uma dupla envolvida com o tráfico de drogas, os policiais flagraram uma grande movimentação na rua Rio Negro, no bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Manaus, no percurso até o 9º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

André Luis da Silva, de 24 anos, tentou invadir uma casa pela segunda vez, entrando pelo buraco da caixa do ar-condicionado, mas ficou preso nas grades de proteção. O suspeito começou a gritar e chamou a atenção dos moradores. Ele foi agredido e a polícia teve dificuldade para tirá-lo do buraco. Após duas horas de tentativas, o suspeito foi preso em flagrante.


Operação é deflagrada para diminuir criminalidade no Piauí

Na noite desta quinta-feira (04), as polícias de todo o Brasil deflagraram a 'Operação Integrada' com o objetivo de combater a criminalidade, como roubos, armas e tráfico. No Piauí, as forças do Estado se uniram nesse combate, a Polícia Federal atua no aeroporto Petrônio Portela, a Polícia Rodoviária Federal se localiza nas BRs e nas pontes que ligam a capital a outros Estados, e as polícias Militar e Civil focam no combate ao roubo de veículos.

Durante a madrugada, várias equipes foram posicionadas nas três pontes que ligam as cidades de Teresina a Timon, evitando a entrada ou saída de armas, drogas e pessoas que possam ter praticado algum tipo de crime e possivelmente estejam usando as fronteiras para fugir.

De acordo com o policial que trabalhou na operação, eles agiram em um horário estratégico. “A partir de 0h a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal estão em uma operação integrada. E já nessa última operação foram apreendidas várias armas de fogo. O nosso objetivo é diminuir as armas de fogo, objetos ilícitos e drogas”, destacou.

No final da operação foram apreendidos 28 pedras de crack e uma arma. “Nós abordamos dois casais em um veículo e com eles foram encontrados as drogas e uma arma. Eles estavam indo de Teresina para Timon. Alegaram que não são deles, mas não adianta e serão conduzidos até a Central de Flagrantes”, falou o Soldado Meneses.

Em uma análise geral da operação, o delegado geral da Polícia Civil James Guerra, declarou que tudo foi um incentivo do Governo Federal. "O Governo Federal tem incentivado várias operações entre as polícias com o objetivo de reduzir as questões relacionadas com a criminalidade. Nós fizemos duas operações esse ano, uma para o tráfico e outra para os homicídios, agora é voltada para repreensão ao furto e roubo de veículos.

Nesta noite, tivemos o fechamento de várias barreiras e hoje nós vamos mudar as áreas de atuação da polícia com o objetivo de fechar as fronteiras. Tivemos a Polícia Federal atuando no aeroporto e a Rodoviária Federal fechando as BR's. Nós estamos catalogando todas as informações que vão chegando e no final do dia de hoje vamos emitir um relatório e mostrar um resultado final", afirmou.

meionorte

Médico diz que caso de Andressa Urach foi um dos mais difíceis de sua vida

As complicações que levaram Andressa Urach à UTI do Hospital Conceição, em Porto Alegre, não deixarão sequelas. A previsão foi feita pelo médico que trata da modelo de 27 anos.

De acordo com Pedro Alexandre da Motta Martins, cirurgião-chefe do serviço de cirurgia plástica do hospital, apesar da melhora, Andressa ainda ficará pelo menos mais 10 dias internada no local. Segundo o especialista, a modelo esteve "perto da morte" e seus rins chegaram a paralisar.

De acordo com o último boletim médico oficial, divulgado às 16h (Horário de Brasília) desta quinta (4), Andressa saiu do estado grave e está acordada.O estado, segundo a nota, "inspira cuidados".

A paciente Andressa de Faveri Urach encontra-se internada na Unidade de Tratamento Intensivo do Hospital Nossa Senhora da Conceição desde a madrugada de 01/12/2014. Seu estado de saúde inspira cuidados. Segue acordada e respirando espontaneamente. Permanece sem previsão de alta da UTI", diz a nota (leia a íntegra da nota mais abaixo).

"Ela esteve perto da morte. Quando a vi pela primeira vez, o quadro era gravíssimo", afirmou o cirurgião. Ele ressaltou que a juventude da moça ajudou na recuperação, já que seus órgãos são saudáveis. Além disso, o fato de ela não ter nenhuma doença prévia contribuiu. "É uma modelo que se cuida, faz exercícios, mas contra ela havia uma doença gravíssima. Ela teve, por exemplo, os rins paralisados. Foi um dos casos mais difíceis da minha vida", disse.

Apesar da gravidade do caso inicialmente, a modelo não deve ficar com nenhuma sequela. "Felizmente, ela não deve ter sequela nenhuma porque o tipo de infecção não corroeu o tecido. Não houve perda de pele e de musculo. A infecção se alastrou e entrou no sangue. Foram necessários pequenos cortes na perna. Mas não há tecidos com perdas e sequer depressões. A ideia é ela ter todas as funções normalizadas", disse.

Modelo agradeceu quando acordou

O cirurgião ainda se recorda do primeiro diálogo que teve quando a modelo começou a se recuperar e acordou. "Ela queria me agradecer. Nos chamou de anjos de Deus. Foi emocionante", controu.

Apesar de já ter 28 anos de carreira, o caso da modelo foi extremamente complicado. "Não é do meu dia a dia tratar de pacientes graves. Quantos se pega um caso desses, é realmente difícil”.

Sobre o uso do hidrogel nas coxas, o médico alertou que qualquer procedimento cirúrgico tem riscos e ressaltou que a modelo procurou um médico especialista e não apenas um instituto de beleza. "As pessoas pensam que ou médico errou ou o paciente errou. Mas, na verdade, é que tudo deve ser feito com critérios, com cuidados.

O médico que fez o último procedimento nela é um especialista", disse, referindo-se a Julio Vedovato, que fez a retirada do hidrogel das coxas.

Veja íntegra da nota da tarde desta quinta

A paciente Andressa de Faveri Urach encontra-se internada na Unidade de Tratamento Intensivo do Hospital Nossa Senhora da Conceição desde a madrugada de 01/12/2014. Seu estado de saúde inspira cuidados. Segue acordada e respirando espontaneamente. Permanece sem previsão de alta da UTI. A Assessoria de Comunicação Social do Grupo Hospitalar Conceição esclarece que todos os 59 leitos da UTI do Hospital Nossa Senhora da Conceição são individualizados e aptos para isolamento. Nenhuma área física foi modificada para receber a paciente. Mudamos a rotina da unidade com o objetivo de manter um dos pilares de nosso atendimento: a privacidade e a proteção de uma paciente que se encontra numa situação de grande risco e que, neste caso, trata-se de uma pessoa com grande atenção da imprensa e público em geral. Mantivemos o mesmo tipo de postura quando fomos recrutados para atendimento às vítimas da Boate Kiss. Quanto à presença de familiar: como exemplo, podemos relatar que, neste momento, por circunstâncias diversas, temos outros três pacientes com acompanhamento familiar com livre acesso. O livre acesso da mãe da paciente Andressa foi solicitado pela equipe que a atende com o objetivo de manter seu estado emocional equilibrado e auxiliar na sua recuperação.

G1.

Ministério da Saúde investiga novos casos de Febre do Nilo no Piauí

Uma equipe do Ministério da Saúde está no Piauí desde a última segunda-feira (01) investigando novos casos de Febre do Nilo Ocidental (FNO) em animais da zona rural dos municípios de Aroeiras do Itaim e Itainópolis. O trabalho vai até o dia 12 de dezembro. Em agosto deste ano, um morador da região apresentou sintomas compatíveis com a doença, o que levou a suspeita de primeiro caso em humano no Brasil. O vírus foi encontrado em galinhas na região.

Com encefalite, o exame de sorologia no morador, que chegou a perder o movimento das pernas, apresentou resultado positivo para o vírus da FNO. Porém, segundo nota da Secretaria de Saúde do Piauí, em decorrência da possibilidade de reações cruzadas com outros vírus semelhantes, foram necessários exames complementares para a confirmação. Os resultados ainda não foram divulgados.

Além do Ministério da Saúde, equipes da Secretaria Estadual de Saúde do Piauí, Fundação Municipal de Saúde (FMS), ADAPI e LACEN estão na região. “Foi definido um plano de ação que visa ampliar a investigação e avaliar maiores detalhes do evento, incluindo uma estruturação da rede de Vigilância Epidemiológica prospectiva, com base nos diferentes eixos de atuação”, diz nota da Sesapi.


Marcolândia Pi compra água em Pernambuco para abastecer população

O município de Marcolândia,  está sendo obrigado a comprar água em Pernambuco para poder atender as famílias que sofrem por conta da estiagem, que já dura três anos na região. De acordo com o prefeito Francisco Pedro de Araújo mais de 700 caminhões-pipa já foram comprados do município de Araripina, que fica a 20 km do Piauí.

"A estiagem tem sido cruel em Marcolândia e já chega há três anos. Araripina é nossa melhor alternativa e compramos mais de 700 caminhões de água já que a água que recebemos não é suficiente", alertou o prefeito.

Segundo o gestor o exército brasileiro tem sido a principal fonte de água já que eles fazem o transporte de cerca de 18 carros-pipa  por dia de Picos até o município. Picos tem sido o grande fornecedor de água para pelo menos quatro cidades da região, mas segundo ele, o manancial aquático da região já diminuiu em cerca de 12 metros.

A situação de Marcolândia se agravou após a seca do açude Tamboril que abastecia a região. Segundo o prefeito, foi feito um trabalho de retirada de areia do leito, mas ainda assim os níveis continuam insuficientes. "O açude secou e nós fizemos uma limpeza, tiramos muita terra dele mas ele continua seco", explicou.

Para contornar essa situação, a prefeitura faz uso de máquinas de cavar poços conseguidas através de uma parceria com o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas - DNOCS, que também não tem sido suficiente para manter o abastecimento.



Wellington quer indicar o presidente da Caixa Econômica Federal

Único petista eleito governador sem ter uma grande estrutura de poder na campanha, como foi o caso de colegas que estavam no Governo ou receberam apoio de governadores, Wellington Dias, que a seu favor ainda tem o fato de o Piauí ter sido o estado onde Dilma Rousseff teve uma esmagadora maioria, quer utilizar esse cacife político para indicar o futuro presidente da Caixa Econômica Federal.

Wellington quer indicar um amigo pessoal, alto funcionário da Caixa Econômica, que se encontra trabalhando no Distrito Federal.

Essa é a grande articulação que o governador eleito do Estado do Piauí está conduzindo nos bastidores de Brasília, fazendo chegar à presidente Dilma Rousseff o seu desejo de emplacar o presidente da Caixa, seu berço profissional.

O alto funcionário da Caixa que Wellington quer indicar, segundo a mesma fonte, "é altamente respeitado dentro da instituição" e tem com ele um relacionamento de amizade muito forte.

Onça-preta é capturada pela primeira vez no Parque Nacional Serra da Capivara

Pela primeira vez, uma onça-preta foi capturada dentro no bioma da caatinga, no Parque Nacional Serra da Capivara. O monitoramento na região é realizado por pesquisadores do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e vem ocorrendo há dois anos, quando onças atacaram animais de criação no entorno da Unidade de Conservação (UC) e começaram a ser mortas. Durante a ação também foram capturadas uma onça-pintada e uma vermelha.

A primeira captura da espécie na caatinga, bioma protegido pela Unidade de Conservação (UC), ocorreu no mês de novembro e contou com apoio do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Carnívoros (Cenap/ICMBio) e de veterinários da Universidade Federal de Viçosa (MG). O projeto surgiu a partir de uma demanda para estudos e monitoramento de grandes felinos, com o objetivo de diminuir o conflito de predação dos animais domésticos no entorno do Parque. 

O trabalho é inédito e consiste em colocar um colar com GPS que emite a localização do animal via satélite para monitorar o território de vida e os hábitos das onças-pretas, o que permitirá estabelecer estratégias para a conservação do animal, que está ameaçado de extinção. 

"Este primeiro animal capturado recebeu um GPS-colar e será monitorado constantemente. Caso seja constatado sua aproximação de roças e comunidades do entorno, poderemos emitir um aviso aos criadores para que possam recolher os animais durante a noite ou utilizar outras técnicas para afugentar as onças das proximidades dos currais e residências. O objetivo é entender porque esses animais estão saindo da reserva em busca de alimento nas propriedades rurais da área", explicou o biólogo Fernando Augusto Tambelini Tizianel, que também é chefe da Unidade.

Sobre a onça-preta

A onça-preta é da mesma espécie da onça-pintada e até então nunca tinha sido capturada na Caatinga. Extremamente ameaçada de extinção no Nordeste brasileiro, a espécie é considerada o maior felino das Américas e tem no Parque Nacional Serra da Capivara um dos seus últimos refúgios no bioma. A campanha de captura do felino no interior do Piauí também contou com o apoio de pesquisadores da associação Pró-Carnivoros, que trabalham na região do Boqueirão da Onça, na Bahia.

Sobre o Parque Nacional Serra da Capivara

O Parque Nacional da Serra da Capivara foi criado através do Decreto de nº 83.548 de 5 de junho de 1979, com área de 100 mil hectares. A proteção ao parque foi ampliada pelo Decreto de nº 99.143 de 12 de março de 1990 com a criação de Áreas de Preservação Permanentes adjacentes com total de 35 000 hectares. Localizado no semi-árido nordestino, fronteira entre duas formações geológicas, com serras, vales e planície, a Unidade abriga fauna e flora específicas da Caatinga. Pelo seu valor histórico e cultural, o Parque Nacional da Serra da Capivara foi declarado pela Organização das Nações Unidas pela Educação, Ciência e Cultura (Unesco), em 1991, Patrimônio Cultural da Humanidade.


Garota de 15 anos participa de assalto e é abandonada por parceiro

Na noite desta quarta-feira (03), policiais militares fizeram a apreensão de uma menor de 15 anos acusada de participar de um assalto a uma residência no bairro Cristo Rei, zona Sul de Teresina.

Segundo informações das vítimas, a menor estava acompanhada de um adolescente identificado como Bruno, os dois invadiram uma casa e roubaram o veículo e uma televisão da família. Houve perseguição e na fuga, o jovem acabou deixando a menor para trás.

A menina relata que agora a única coisa a fazer é assumir o erro. “Era só um rapaz que estava comigo, se chama Bruno mas é conhecido como 'pingo' da Jerusalém, nós somos só amigos. Nós botamos a arma no homem e pegamos as coisas. Eu nunca tinha sido presa, mas agora é só sustentar”, declarou ela.

 Uma das vítimas declarou que viveu momentos de terror. “Ela chegou acompanhada dele e colocaram a arma na cabeça do meu irmão. Só que eu chamei meu cunhando e a gente saiu em perseguição. Graças a Deus ele abandono o veículo e eu consegui recuperar o veículo e a televisão. Nós só não esperávamos que ele ia abandonar ela também. Eles foram bastante violentos, diziam que se a gente não ajudasse iam nos matar, foi horrível”, disse.

O cabo Flávio, do 1° batalhão afirmou que o jovem acompanhante da menor já é conhecido. “Nós vamos levar os pertences de volta e acompanhar as vítimas para prestar depoimentos. A menor vai ser levada para a Central de Flagrantes para os devidos procedimentos. O Bruno que acompanhava ela é da Jerusalém, e é bastante conhecido nosso”, afirmou.

meionorte

Ladrão atrapalhado tenta roubar loteria, mas fica preso

Um ladrão atrapalhado tentou roubar uma loteria no município de Caridade do Piauí, a 447 km de Teresina, mas acabou ficando preso. O suspeito invadiu a casa lotérica pelo telhado, porém não conseguiu fugir pelo buraco devido a altura do teto. 

"Ele entrou tirou as telhas e rompeu o forro, mas não conseguiu ter acesso a sala da tesouraria, onde fica localizado o cofre. Além de não conseguir efetuar o roubo, o ladrão também não conseguiu fugir, por conta da altura", disse o proprietário da loteria, que não teve a identidade revelada. 

O caso ocorreu durante a madrugada desta quarta-feira, 03, mas o suspeito só conseguiu fugir do local pela manhã, quando os funcionários chegaram e acabaram sendo surpreendidos e ameçados.

"O funcionário foi surpreendido com a presença de um homem com capacete. Aparentemente assustado, cercado por pessoas que aguardavam a abertura da lotérica, o ladrão ameaçou um cliente que estava em uma moto e o obrigou a dar fuga até a zona rural do município", acrescenta o proprietário. 

Policiais da Força Tática de Paulistana também foram acionados para dar apoio as diligências, mas até o momento, o suspeito não foi identificado. 

cidadeverde.com

Ministério Público Estadual investiga ex-governador Hugo Napoleão

O Ministério Público do Estado instaurou procedimento preparatório para investigar denúncia de abuso de poder, utilização da máquina administrativa estadual, através da distribuição
de funções/cargos comissionados contra o ex-governador Hugo Napoleão durante as eleições de 2002.

A promotora Leida Maria Diniz considerou a necessidade de aprofundar as investigações no que se refere à eventual ato de improbidade referente às possíveis contratações irregulares de servidores público, eventualmente ocupantes de cargos comissionados.

 A criação de cargos em comissão deve ser feita por lei, devendo esta estabelecer certos
requisitos para seu preenchimento, a fim de garantir à constitucionalidade, em especial, a moralidade do ato de criação, evitando eventual abuso de poder.

A portaria de instauração do procedimento foi assinada pelo Promotora de Justiça da Fazenda Pública, Leida Diniz, na última segunda-feira (01).

Em 2002, Hugo disputou a reeleição, mas não obteve êxito. Wellington Dias foi eleito governador e ficou no cargo por dois mandatos.

Atualmente, Hugo Napoleão é deputado federal pelo PSD, mas não conseguiu a reeleição no último dia 5 de outubro.

Família de suspeito por decapitações foge de casa por représálias

Com medo de ataques, a família de Jhonatan Lopes de Santana, suspeito de ter matado seis pessoas e ferido gravemente outra, deixou a residência, em Mogi das Cruzes, segundo vizinhos. De acordo com a polícia, ele confessou ter decapitado cinco pessoas e esfaqueado e queimado outras duas. O ajudante geral, de 23 anos, foi preso nesta quarta-feira.

De acordo com o delegado Seccional, Marcos Batalha, o suspeito não tinha problemas com a Justiça e conflitos familiares. "Pelo menos pelas pesquisas que nós fizemos ele tem uma única passagem criminal por desdacato, um crime sem gravidade.  Geralmente as pessoas que praticam crimes tão bárbaros, crimes seqüenciais, ou seja, diversas mortes, tem histórico de conflito, e acabam  levando para esse lado, da violência. Esse sujeito, não tem nada. Nunca passou por dificuldade, não tinha problemas. Ele praticou esse crime, então, por motivos que acabou relatando em seu interrogatório. Nada que justificasse os crimes”, detalhou.

Fonte:g1.com

Acusado de decepar mãos de namorada é suspeito de matar carroceiro

O jovem Eduardo Sousa, 20 anos, preso em Buriti dos Lopes após decepar as mãos da namorada em Parnaíba, terá a prisão preventiva solicitada pela Delegacia de Homicídios.

A polícia investiga seu envolvimento na morte do carroceiro Adédio Machado de Carvalho na segunda-feira, 22 de setembro, na avenida Rui Barbosa, no bairro Matadouro, zona Norte de Teresina.

Adédio estava numa motocicleta, com o sobrinho, quando foi alvejado com tiros e caiu. A polícia acredita que ele tenha sido morto ao ser confundido com seu irmão que era acusado de tráfico, mas a vítima não tinha passagens.
 
A Delegacia de Homicídios já possui provas suficientes que qualifica Eduardo pela morte do carroceiro.
 
A polícia informou ainda que ele faria parte de uma gangue da zona Norte e é conhecido como “Dudu da Betel”.
 
Eduardo continua preso pelo crime cometido em Parnaíba. 

Fonte:cidadeverde.com


Homem estrangula acusado de estuprar sua filha e queima seu órgão genital

Um indiano, tomado pelo ódio e espírito de vingança, decidiu torturar e assassinar o estuprador de sua filha de 14 anos.

Em relato ao MailOnline, o homem de 36 anos disse que atraiu o estuprador até sua casa, em Delhi, e preparou um jantar antes de entregar-lhe um comprimido para dormir. Após isso, as sessões de tortura começaram.

"Inicialmente, eu não queria matá-lo e lhe pedi que, tranquilamente, deixasse a minha casa e minha vida, mas ele me provocou. Eu fiquei muito, muito irritado e perdi a cabeça. Eu enrolei uma toalha em volta do pescoço dele, amarrei suas mãos e o arrastei para o chão. Acendi a chama do fogão e esquentei pinças de ferro”, relatou.

"Eu pensei que ele estava morto, mas ele ainda estava respirando, então com uma mão eu o estrangulei e coloquei a pinça aquecida em seus órgãos genitais. Ele gritou muito alto, por isso que eu coloquei uma parte da toalha em sua boca para silenciar seu ruído. Eu queimei seus órgãos genitais uma segunda vez, seu corpo se retorcia e eu estava tão enfurecido que eu fiz isso uma terceira vez consecutiva. Depois de algum tempo ele parou de respirar e caiu no chão", completou o indiano, em um relato cruel e assustador.

 O pai de seis filhos, que não teve o nome divulgado para proteger sua identidade, é da região de Khajuri Khas, e foi tomado pelo espírito de vingança após ter visto sua filha sofrer em suas mãos. "Eu o matei para vingar o que ele fez com a minha filha. Ele estragou sua infância”.

Ele, então, entregou-se à polícia que o prendeu e acusou-o por assassinato. No país, o crime prevê uma pena máxima de 25 anos na prisão.


Rejane Dias deve ser a secretária de Educação do Governo Wellington

Rejane Dias (PT), a mais votada candidata a deputada federal do Estado no último dia 5 de outubro, deve ser a secretária de Educação do Governo Wellington Dias, a partir do dia 1º de janeiro de 2015, segundo fonte altamente acreditada do futuro governo.

Cotada logo depois da vitória do marido para ser a Secretária de Saúde, tendo inclusive o seu nome citado no noticiário politico com frequência como futura ocupante do cargo, a deputada, que conclui o seu mandato na Assembleia Legislativa no último dia de janeiro do próximo ano, "entende que pode contribuir mais com o Governo estando à frente da pasta da Educação".

fonte:gp1.com

Após decisão do STF, Renato Duque deve deixar a prisão nesta quarta-feira

O ex-diretor da Petrobras Renato Duque, preso em 14 de novembro durante a sétima etapa da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, deve deixar a prisão nesta quarta-feira (3). Duque é suspeito de integrar um esquema de corrupção, com o envolvimento de donos de empreiteiras que tinham contato com a estatal. De acordo com o doleiro Alberto Youssef e com o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, que são réus do processo da Lava Jato, ele era um dos beneficiados com a fraude, que resultava em superfaturamento de contratos e formação de cartel.

Renato Duque teve a prisão preventiva revogada na terça-feira (2) pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki.O ministro também determinou que o ex-diretor entregue o passaporte e não deixe o país. Duque será solto logo após a Polícia Federal e a Justiça serem notificadas oficialmente sobre a decisão.

No último dia 18, o juiz Sérgio Moro, da Justiça Federal no Paraná, tinha convertido em preventiva (sem prazo determinado) a prisão temporária (por cinco dias, prorrogável por mais cinco) do ex-diretor da Petrobras e mais cinco presos.

Na ocasião, o juiz afirmou que havia risco de fuga para o exterior. Ele argumentou que Duque mantém uma "verdadeira fortuna" em contas bancárias fora do país. "Dispondo de fortuna no exterior e mantendo-a oculta, em contas secretas, é evidente que não pretende se submeter à sanção penal no caso de condenação criminal [...]", justificou o juiz.

Fonte:g1.com