Logotipo R10
Em festa, policial será proibido de dar
Se antes a presença de um policial armado - mesmo de folga - era motivo de "segurança" para os donos de eventos, agora virou dor de cabeça.

Diante dos últimos episódios em festas carnavalescas em Teresina, as forças policiais resolveram adotar ações para impedir confusão envolvendo policiais seja civil, militar ou federal. 

Em reunião na manhã desta quarta-feira (17), na sede do quartel da Polícia Militar do Piauí, ficou acordado que será proibida a "carteirada" por parte dos policiais. A "carteirada" é um recurso que profissionais que, valendo-se de suas qualidades, exigem tratamento diferenciado. Eles usam sua carteira profissional para ter livre acesso a festas, boates e prévias carnavalescas.

Participaram da reunião as Policias Militar, Civil, Federal, Rodoviário Federal, Exército e agentes prisional. Os representares de bares, boates e eventos carnavalescos também participaram da discussão. 

Foi esclarecido para os donos de eventos que os policiais não têm livre acesso em festas particulares. Eles precisam pagar para entrar. E que alguns proprietários de casas de shows fazem concessão de livre acesso por conta deles. 

O coronel Alberto Menezes, coordenador geral de operações da Polícia Militar do Piauí, informou que a instituição quer adotar um aplicativo para identificar os policiais armados em festas. É no mesmo modelo do que existe no Estado do Amazonas chamado de "Balada Segura". 

Ficou acordado que os proprietários de casas de shows e organizadores de evento vão destinar uma sala para os policiais guardarem suas armas. Não será proibido entrar com pistolas, mas o policial terá opção de deixá-la em um lugar seguro no estabelecimento privado. Será obrigatória a sua identificação. 

Atulaizada às 12h

Um pacto firmado entre as Forças de Segurança tenta proibir a famosa "carteirada" em eventos públicos realizados em locais fechados. Sobre o porte de arma de fogo, em locais de diversão, a PM apresentou algumas orientações, uma delas contestada pela Polícia Federal. 

No último sábado(13), um tiroteio provocado supostamente por um cabo do Exército na prévia de carnaval Banda Bandida feriu três pessoas. 

A orientação da Polícia Militar do Piauí é que os donos de eventos na Capital disponibilizem acesso reservado para as autoridades com porte de arma, recinto para identificação e/ou guarda da arma (cofre) e recibo de entrega e devolução da arma. 

"As autoridades com porte de arma, ao chegarem a eventos desta natureza, devem se identificar como tal e apresentar o registro da arma, bem como fotografar a identidade funcional e o registro de arma", sugeriu o major Wilson Gomes, subcomandante do Comando de Policiamento Especializado. 

"Em caso de recusa, a segurança privada deve imediatamente acionar a PM e a Corregedoria da Instituição ou autoridade responsável", complementou o major. 

O representante da Polícia Federal questionou a necessidade da foto do registro, já que trabalham com investigação e podem estar no local a trabalho. 

Os pontos divergentes serão debatidos para que se chegue a um consenso. Participaram da reunião no Quartel do Comando Geral da PM-PI representantes das polícias Militar, Civil, Federal, Rodoviária Federal, agentes penitenciários e donos de eventos. 

Cidadeverde.com
Força Tática prende dupla de assaltantes na BR 222, em Piripiri

A Força Tática do 12º Batalhão de Polícia Militar de Piripiri prendeu, na noite desta sexta-feira (12), uma dupla acusada de disparar tiros contra um motociclista na BR 222, em Piripiri.

Carlos Eduardo e um menor de idade vinham no sentido Piripiri, próximos à Rampa da Bananeira, empurrando uma moto, que estava sem combustível. Um motociclista passava deu sinal para pararem. Como não atenderam, um dos acusados efetuou dois tiros contra o homem. Felizmente, nenhum acertou.


A PM foi acionada e conseguiu localizar a dupla ainda na BR 222  e revistados encontraram documentos e ainda um revólver calibre 38. Os suspeitos foram conduzidos ao Complexo de Delegacias de Piripiri, junto com a moto.


Reconhecido fazendo compras, ladrão é perseguido e preso pela PM de Piripiri

Após noticiarmos que esta semana a PM descobriu uma casa inauguraada para esconder motos roubadas, um dos integrantes da quadrilha foi reconhecido e preso.

José Quadros estava sendo procurado por ter alugado uma casa  para esconder motos roubadas. Nesta terça-feira (9), ele furtou uma moto, contudo foi filmado por câmeras de segurança durante o crime e reconhecido algumas horas ao retornar ao local. 

José ainda tentou fugir da PM, sendo apanhado dentro do córrego do 'Cabresto', no centro.

A moto furtada, uma Bros, não foi encontrada com ele. A prisão deu-se  após ele ter sido reconhecido dentro de uma loja. 

A moto procurada é uma Honda NXR 150 BROS ES, placa NHW - 2639 - Piripiri, cor vermelha, ano 2007, e pertence a um comerciário.


Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em Piripiri.

Em Piripiri, homossexual é espancado até a morte.

Um homem ( Morador do Bairro Petecas, Crioli) identificado por Valteres Peixoto, 30 anos, foi encontrado morto com sinais de espancamento ( Pancada na Cabeça) em Piripiri, ainda não se sabe o motivo do crime. O corpo está no necrotério sendo preparado para família.

Segundo o presidente do Grupo Gay de Piripiri, Gerson Renato, Valteres Paixoto, era homossexual, tinha 30 anos, e  foi morto vítima de espancamento. O presidente do GGP, disse que ainda não se sabe o motivo do assassinato. Mas, ele já acionou as Polícias Militar e Civil.

Ele foi encontrado na região de Piripiri conhecida por Engancho que dá acesso ao Caldeirão. 

Aguardem mais informações!

Fonte: Piripiri40graus.com


Ação rápida da PM de Piripiri evitou que ladrões furtassem a UPA de Piripiri

Ontem (7), ladrões tentaram assaltar a UPA de Piripiri. Os ladrões chegaram a arrombar a Unidade de Pronto Atendimento. O serviço de vigilância da SMS acionou imediatamente a Polícia Militar que numa ação rápida e enérgica evitou que qualquer objeto fosse furtado. Os ladrões evadiram-se do local ao perceberem a chegada da PM.

A criminalidade ultrapassou qualquer noção de limite. Piripiri vive sob o terror, temendo os mais variados crimes. A Polícia Militar e Civil têm feito um esforço acima de suas condições para conter essa onda de violência e crimes, mas a ousadia dos criminosos é inimaginável.

Segundo o Cabo Domingos da Força Tática, o serviço de inteligência da PM não está medindo esforços: "Nós estamos trabalhando ostensivamente e também abrindo investigações e lhe garanto que nós iremos prender todos esses criminosos que estão agindo aqui em nossa região", garantiu o cabo.

PM encontra motos roubadas dentro de casa no centro de Piripiri

Militares da Força Tática e do  POG pertencentes ao 12º Batalhão encontraram na noite deste domingo, (07) em uma casa localizada na Rua Marechal Floriano, Centro de Piripiri,  duas motos roubadas que possivelmente eram utilizada para em assaltos na cidade.

Na residência foram encontradas duas motos com registro de roubo, uma arma de brinquedo semelhante a uma pistola, balança de precisão, além de outros objetos típicos de organizações criminosas.

De acordo com os militares, os veículos foram descobertos na residência após a realização de várias diligências. Segundo informações de populares, residiam na casa um casal e uma criança. A casa estava alugada haviam dois meses. 



PM de Piripiri encontra automóvel utilizado em atropelamento seguido de morte

A PM de Piripiri encontrou na tarde de ontem, 7,  oautomóvel que foi utilizado no atropelamento  de Francisco Alves Pereira (Chagas), 39 anos, morador do Bairro Prado, na noite do dia 6, sábado passado na Aderson Ferreira, em Piripiri.

A vítima pilotava uma Honda Broz quando foi atingida de cheio por um automóvel que invadiu a preferencial nas proximidades da Praça do Curumi, evadindo-se do local em seguida, sem prestar assistência à vítima que morreu na hora.

Testemunhas disseram tratar-se de um automóvel Sedan, vermelho.

Ontem a PM encontrou no Bairro Germano, o Corsa Classic, de placa NIO 7545, de propriedade do contador, com escritório em Piripiri, identificado como Zé Otávio, que está foragido.

O tenente-coronel Erisvaldo Viana, comandante do 12º BPM, nos informou que o carro foi ocultado na residência de um amigo do contador.


Ladrão invade panificadora em Piripiri e ainda bebe iogurte durante a ação

Munido de uma lanterna, um ladrão invadiu a panificadora Pão Gostoso localizada no centro de Piripiri. O episódio aconteceu na madrugada de sexta feira, dia 22/12/17.

A ‘folga’ foi tanta, que ele ainda bebeu um iogurte durante o furto. As câmeras de vigilância gravaram toda a ação. 

Fonte Clique Piripiri.

Roubo de motos: virou prática comum e mais uma é roubada em Piripiri

Ontem (3), por volta do meio dia, foi furtada da porta da casa do proprietário uma moto Honda Bros, cor preta, ano 2010/2011, placa NIS-6569, pertencente ao senhor José Hilton mais conhecido como Zé Barbudo. O furto ocorreu no bairro São João na Rua Emídio Mendes de Sousa em frente à capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Quem souber de alguma informação favor  entrar em contato pelos números 9/98247160 ou 9/99896321 que será bem recompensado. Você pode ajudar também compartilhando a matéria.


Promotor de vendas morre após veículo capotar na BR 343, em Piripiri

O promotor de vendas Wanderson Coelho morreu após o veículo em que ele estava capotar na noite desta segunda-feira (1), na BR-343, no trecho que liga as cidades de Piripiri e Brasileira, próximo a comunidade São Luiz.

De acordo com informações do inspetor L. Macedo, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu por volta das 19h30. “Era um grupo de amigos que voltava de Parnaíba. Havia cinco pessoas no carro. O motorista perdeu o controle do veículo e houve o capotamento. O jovem que faleceu estava no banco de trás e sem cinto. Ele sacou do carro com o impacto e morreu na hora”, disse.

Ainda segundo o inspetor, havia outras quatro pessoas no carro, que tiveram apenas ferimentos leves. Eles foram encaminhados para o hospital de Piripiri.
Fonte: GP1.

Mulher é espancada pelo companheiro continua internada em Teresina

A violência contra mulher tem aumentado bastante no Piauí, Maria Layana de Araújo Pereira, 30 anos de idade,mãe de 2 filhas, natural de Piripiri e residente na cidade de Boa Hora, foi covardemente espancada pelo próprio companheiro,senhor José de Oliveira,vulgo (Ze Nelzim) 41 anos, que foi preso pelo delegado Renato, da delegacia de Barras.

Ze Nelzim permanece preso acusado de cárcere privado e espancamento da própria esposa com quem convivia à 6 anos. Segundo Maria Layana, depois de ser agredida publicamente em um sítio, na zona rural de Boa Hora, ao retornarem pra casa o marido a espancou brutalmente que ela ficou desacordada e quando tornou estava toda machucada e teve 50% dos cabelos arrancados. 

Layana passou 3 dias em casa sem poder procurar um médico e foi salva por um aplicativo SALVE MARIA que através deste aplicativo chamou a polícia que prontamente atendeu.

Tentativa de assalto deixa mulher ferida na estrada do Caldeirão em Piripiri

Uma tentativa de assalto na tarde dessa quarta-feira (13), deixou Samara Oliveira com muitas escoriações e ferimentos graves.

O assalto frustrado se deu na estrada que liga Piripiri-Caldeirão. Um elemento tentou roubar a moto a qual pilotavam de propriedade de sua sobrinha. Samara postou imagens no seu perfil do Facebook e relatando o crime. 

Samara Oliveira mora na comunidade Caldeirão. A tentativa se deu em frente à CHESF e o assaltante diante da resistência desistiu de prosseguir no crime.

Pai mantém filho de 3 anos como refém por nove horas em Piripiri

Um final feliz após nove horas de tensão. O desempregado identificado como Edvaldo, 40 anos, fez refém o próprio filho de 3 anos desde o início da noite dessa terça-feira, 11, só liberando a criança após a chegada do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) da Polícia Militar. O caso aconteceu na Rua Francisco Sales de Carvalho, Bairro Prado, em Piripiri.

Tudo começou por volta das 18 horas após um desentendimento entre Edvaldo e a esposa. De acordo com vizinhos, Edvaldo é usuário de drogas e, após discussão com a companheira, passou a agredi-la. A mulher conseguiu se desvencilhar do agressor fugindo de casa para pedir socorro à polícia.

Com a chegada da PM ao local, Edvaldo se viu amedrontado e fez o filho de refém, ameaçando-o com uma facão. Usando a criança como escudo, exigiu que a mulher entrasse em casa, o que não foi permitido pela polícia.

A PM isolou o local e acionou Conselho Tutelar. O comandante da operação, Major Costa Neto tentou negociar a rendição do agressor e não teve êxito.

O vice-prefeito de Piripiri, Murieel Queiroz, que conhece Edvaldo, também foi chamado ao local para tentar a rendição e a retirada da criança, também sem sucesso. Às 23:15, sem conseguir o intento, Murieel deixou as negociações.

Por volta de meia noite, o comandante da operação pediu apoio para a equipe especializada do BOPE, em Teresina.

Antes da chegada da equipe do BOPE, já por volta de meia noite e quarenta, momento de maior tensão. Edvaldo, ao ver a aproximação dos policiais, aparece com o filho no colo e com uma foice em uma das mãos ameaçava os policiais.

Em estado de tensão máxima, a população tentou invadir a casa pelos fundos, tendo sido contida pela PM.

Às 3 h da madrugada o grupamento do BOPE chegou ao local. Uma negociadora, a coronel Júlia Beatriz, especialista nesse tipo de conflito, conseguiu que Edvaldo deixasse a casa e fosse conversar com ela. Em seguida ele entregou o filho para a mãe. “Esse problemas familiares são muito sérios. Mas consegui explicá-lo que se ele continuasse com aquela situação que já durava nove horas, iria piorar a situação dele”, explicou a coronel. “Mas em nenhum momento ele machucou o filho, isso é o mais importante”, finalizou.

Para o Major Costa Neto a polícia tem a sensação do dever cumprido. “Sentimos dever cumprido. Ele se entregou sem atentar contra a vida do próprio filho. Estamos para trabalhar e transmitir a sensação de segurança. E em qualquer situação a população poderá contar conosco”, finalizou.

Edvaldo foi conduzido para o distrito policial onde foi feito o Termo Circunstanciado de Ocorrência. A sua situação pode se agravar se a ocorrência for entendida como sequestro e cárcere privado.

Fonte: Portal Sem Fronteiras.


Pai faz criança refém e ameaça com faca em Piripiri

Um homem fez uma criança de 3 anos refém na noite desta segunda-feira (11), no bairro Prado, em Piripiri. Segundo informações a criança está sendo ameaçada com uma faca depois que PMs chegaram para verificar um chamado sobre briga em uma residência.

A polícia tenta convencer o agressor a se entregar, mas as negociações estão complicadas. 

Aguardem mais informações!


Polícia Civil de Piripiri elucida crime e prende latrocida que estava escondido

A Polícia Civil do Piauí, através da equipe do 1o. Distrito Policial de Piripiri, sob o comando do Delegado Jorge Terceiro, efetuou a prisão, no fim da manhã desta segunda (11), de Edmilson Roseno Magalhães, pela prática de crime de latrocínio (roubo seguido de morte), ocorrido na noite anterior nas proximidades da chamada ponte do Biano, bairro Paciência, em Piripiri.

O acusado vitimou Alessandro da Silva Magalhães. Edmilson Roseno Magalhães estava escondido no bairro Petecas, onde foi localizado pela equipe policial. Logo que a notícia do crime chegou até a Polícia Civil, nossa unidade policial iniciou as diligências já no local do crime, onde foram localizadas peças de roupa e pulseiras que não eram da vítima, mas que estavam próximo ao corpo.

A Polícia localizou testemunhas que estiveram bebendo com o criminoso e a vítima na noite anterior e que informaram que a vítima teve uma discussão com o autor do crime por causa do aparelho celular da vítima. Após a prisão do mesmo, a investigação também localizou o aparelho celular subtraído da vítima, que foi vendido pelo autor do delito a terceiros, logo após a prática do crime.

"O autor, após matar a vítima e subtrair seu aparelho celular, vendeu o aparelho por uma quantia em torno de cem reais. Localizamos o aparelho que já está apreendido juntamente com os chinelos, pulseira e blusa do autor usada para esganar a vítima durante a luta corporal.

O médico legista esteve no local do fato e também procedeu à realização de exame cadavérico. O autor do crime, na Delegacia, confessou a prática do delito, alegando embriaguez." Concluiu o Delegado Jorge Terceiro. O acusado foi autuado pelo delito de latrocínio (art. 157, par. 3o, do Código Penal), o autor do delito pode pegar de 20 a 30 anos de prisão.

Foto: Cliquepiripiri.

Acidentes em rodovias federais matam 206 pessoas no Piauí

A Superintendência da Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou na manhã dessa segunda-feira (11) que de 1º de janeiro a 10 de dezembro de 2017, foram registrados 1.452 acidentes com vítimas e 206 mortes nas rodovias federais do Piauí.

Os dados divulgados pela PRF mostrou que só no mês de janeiro foram registrados 144 acidentes, com 15 mortes; em fevereiro foram 110 acidentes, com 24 mortes; já em março ocorreram 114 acidentes, com 16 mortes; no mês de abril foram 127 acidentes e 14 mortes; em maio o número de acidentes ficou em 122, com 20 mortes; em junho ocorreram 133 acidentes, com 36 mortes; em julho foram 136 acidentes e 21 mortes; em agosto foram registrados 148 acidentes, com 16 mortes; o mês de setembro teve 119 acidentes, com 10 mortes; em outubro foram 123 acidentes, com 13 mortes; no mês de novembro ocorreram 127 acidentes e 15 mortes; já no mês de dezembro, de 1º ao dia 10, foram registrados 6 mortes.

O chefe de Comunicação Social da Polícia Rodoviária Federal, inspetor Barros Filho, afirmou que o grande número de acidentes e mortes este ano no Estado se devem a falta de respeito as normas de trânsito e consumo de bebidas alcoólicas pelos motoristas. “A lei está mudando e aumentando a pena para motoristas de cinco para oito anos de prisão. A nova lei foi aprovada pelo Congresso e falta a sansão do presidente para entrar em vigor”, afirma.

O inspetor também afirma que o aumento das mortes e acidentes foram influenciadas pelo grande número de feriados prolongados, que segundo ele, foi grande o número de motoristas flagrados em alta velocidade. “Apesar de a PRF ter realizado bastante ações educativas no trânsito, a gente percebe que é um trabalho de médio a longo prazo. Também houve um aumento no número de autuações de condutores por alta velocidade esse ano”, declara Barros Filho.

Meionorte.

Homem é encontrado morto na barragem do Paciência em Piripiri

Um homem identificado como Alex Magalhães, aparentando ter cerca de 30 anos, foi encontrado sem vida, na manhã desta segunda-feira (11), em águas rasas, na barragem do Bairro Paciência, em frente a um bar.

 Polícia Civil e Força Tática estão no local fazendo os primeiros levantamentos. A vítima morava próximo à barragem da Ponte do Biano, no bairro Paciência. Segundo informações de populares, Alex foi visto no domingo (10) bebendo em um bar nas imediações. 

A polícia suspeita que Alex pode ter sido assassinado. A perícia do IML foi acionada para realização de exames.

Fonte: Piripirireporter.com ( Moisés Lopes).

PC de Piripiri deflagra operação Ártemis, prende pessoas e resgata animais

A Polícia Civil do Piauí, através das equipes do 1o. Distrito Policial, 2o. Distrito Policial e DEAM de Piripiri/PI, sob o comando dos Delegados Jorge Terceiro, Ricardo Oliveira e Lucivânia Vidal, deflagrou na manhã de hoje a "Operação Ártemis" no município de Capitão de Campo/PI, onde duas pessoas foram presas por pratica de crimes ambientais.

"Há cerca de um mês estávamos realizando as investigações, o resultado foi a operação deflagrada hoje pela manhã. Até o momento duas pessoas foram presas, dezenas de animais silvestres foram apreendidos e as equipes do IBAMA/SEMAR já se deslocam para o local. Dentre os animais silvestres foram localizados e apreendidos vários catitus, raposas, onças pardas, jabutis, tatus, gato Maracajá, e diversas aves silvestres". Afirmou o delegado Jorge Terceiro

Segundo o Delegado Ricardo Oliveira "a operação ocorreu em duas frentes, sendo a primeira na zona urbana da cidade Capitão de Campos/PI e segunda na zona rural, mais precisamente no povoado Montes. O proprietário dos imóveis e um caseiro foram presos em flagrante. O proprietário dos imóveis chegou a empreender fuga mas foi interceptado pela PRF na altura do município de Campo Maior/PI, que acionada por nossas equipes."

Segundo a Delegada Lucivania Vidal "O estado dos animais é deprimente, alguns presos em cubículos, a onça parda sofreu visíveis maus-tratos tendo sido extraídas as presas do animal e obtivemos a informação de que há pouco tempo uma outra onça também mantida em cativeiro no sítio na zona rural acabou morrendo".

Os autores foram autuados em flagrante nos crimes ambientais de cativeiro de animais silvestres majorado pelo fato de haverem espécies ameaçadas de extinção - art. 29, parag. 1o, inc. III e par. 4o, Inc. I da Lei 9.605/98 gerando pena de até 1 ano e meio, alem do crime de abuso e maus tratos previsto no art. 32 da mesma lei, que resulta em mais 01 ano.

O nome da Operação, "Artemis", é em referência à deusa protetora da vida selvagem, dos animais e da caça, era filha de Zeus com a deusa Leto e irmã gêmea de Apolo. Quando criança, ao ser questionada por seu pai qual seu maior desejo, ela pediu, sem hesitar, que pudesse circular livremente pelas matas, à noite, ao lado dos animais ferozes sem nada sofrer, o que lhe foi prontamente concedido.

Os autuados são os nacionais de nomes José Montes de Resende Filho - vulgo "Deinha" e Antônio  Francisco da Silva Monteiro.

PM de Piripiri lança oficialmente a operação Natal e Ano Novo Seguro

O comandante geral do 12º BPM,  Tenente Coronel Erisvaldo Viana, reuniu na manhã desta terça-feira (05) na  Praça da Bandeira, os seus policiais, para o lançamento oficial da Operação Natal e Ano Novo Seguro. Na ocasião foi traçado Metas e as estratégias de segurança das mais variadas formas de policiamento no centro comercial e bairros de Piripiri.

"Vamos dar mais segurança e manter a ordem pública e incolumidade das pessoas, nesse período em que aumenta a circulação de dinheiro e de pessoas na nossa Cidade". Disse o Coronel Viana.

Polícia Civil de Piripiri prende último alvo da Operação

A Polícia Civil do Piauí através da Delegacia Regional de Piripiri efetuou no início da tarde desta sexta (01), a prisão do último alvo da "Operação Catena". Trata-se de um idoso condenado pela prática de delito de estupro.

"Essa foi a oitava prisão realizada pela Polícia Civil em Piripiri, somente nesta semana. No decorrer do mês de dezembro teremos ainda várias ações a serem realizadas." afirmou o Delegado Jorge Terceiro. Todos os presos já foram recambiados para outras unidades policiais e sistema penitenciário.

O crime ocorreu no ano de 2008. A vítima era da família. Como o alvo residia na zona rural de Piripiri, o cumprimento do mandado teve mais percalços. O alvo já foi transferido para o sistema penitenciário.