Logotipo R10
WELLINGTON DIAS É HOSTILIZADO DURANTE INAUGURAÇÃO DE COMITÊ EM CAMPO MAIOR

O ato de inauguração do comitê de campanha do candidato a deputado estadual Paulo Martins (PT) foi marcado por protestos de estudantes da Universidade Estadual do Piauí Campus Heróis do Jenipapo. Antes mesmo do evento começar era grande a concentração de manifestantes que levaram cartazes, faixas e gritaram palavras de ordem contra o governador Wellington Dias em razão do sucateamento da instituição.


“Estamos aqui reivindicando nossos direitos enquanto estudantes. A educação pública no Piauí está um caos, esse grupo que hoje aqui está tem pendências com a Operação Topique por causa de desvios de dinheiro público que era para ser investido na melhorias das escolas e das universidades. Os campus da Uespi estão completamente abandonados, sem qualquer tipo de investimento por parte desse governo que está apelando para se reeleger”, disse o estudante José Eduardo ao De Olho.

Para os manifestantes, Wellington e Paulo representam o que há de pior na política local e não merecem a credibilidade dos eleitores: “Se o Paulo está trazendo o maior inimigo da educação que é esse governador, ele também não merece qualquer crédito do povo de Campo Maior. Quem é conivente com o caos não merece nosso voto e nem o nosso respeito”, destacou a estudante Ana Beatriz.

O ato de inauguração do comitê de Paulo Martins contou com a presença de poucas pessoas e foi um verdadeiro fracasso. Parece que faltou humildade por parte do candidato e do partido que resolveram interditar a Avenida Santo Antônio, interferindo na locomoção das pessoas, ao invés de realizar o ato numa das inúmeras praças da cidade.

Fonte: portaldeolho.com.br

WELLINGTON 38,83%, OPOSIÇÃO 45,00%

Realizada em todo o Piauí, a mais recente pesquisa do Instituto Datamax traz uma mudança no cenário político estadual. O petista Wellington Dias ainda está na frente da corrida pelo cargo de governador com 38,83% das intenções de voto. mas agora a oposição já soma mais votos que o candidato à reeleição. Todos os candidatos de oposição somados juntam 45,00% dos votos.

Dr. Pessoa (SD) aparece com 25,67% das intenções de voto. Em seguida aparece Luciano Nunes (PSDB) com 10,00%. O senador Elmano Ferrer (PODE) está com 6,17%, fechando o pelotão mais destacado da aferição.

Pesquisa mostra que Wellington Dias já não é mais candidato imbatível e põe em risco apoio ao petista (foto: Jailson Soares | politicaDinamica.com)

O advogado Valter Alencar (PSC) somou 1,50% das intenções de voto. Fábio Sérvio (PSL) aparece com 0,58%; Luciane Santos (PSTU) soma 0,50%, o mesmo percentual de Lourdes Melo (PCO). Romualdo Seno (DC) obteve 0,08%.

Dr. Pessoa aparece como o candidato mais destacado no campo da oposição sendo a principal ameaça à reeleição de Wellington segundo pesquisa Datamax (foto: Jailson Soares | politicaDInamica.com)

Votariam nulo ou em branco 9,17% dos entrevistados. Não sabem ou não quiseram responder 7,00%.

Luciano atingiu a casa dos dois dígitos e também mostra reação de sua candidatura ao governo do Estado (foto: Jailson Soares | politicaDInamica.com)

SEGUNDO TURNO

Os números da pesquisa já apontam a existência de 2º turno nas eleições para a disputa do Governo do Piauí. Foram testados dois cenários.

No primeiro cenário, Wellington Dias teria 46,50% das intenções de voto contra 41,83% do Dr. Pessoa. Nulos e brancos somam aqui 6,58%. Não sabem ou não quiseram opinar 5,08%.

No segundo cenário, o petista Wellington Dias soma 54,25% contra o tucano Luciano Nunes, que teria segundo a pesquisa 29,08%. Votariam nulo ou em branco 9,75%. Não sabem ou não quiseram opinar 6,92%.

SENADOR

O Política Dinâmica divulga os números para o Senado da República nesta quarta-feira, às 10h00.

FICHA TÉCNICA

A pesquisa foi realizada pelo Instituto Datamax no período de 23 a 28 de agosto de 2018, nas 15 microrregiões do estado do Piauí. A amostra é de 1200 entrevistados, com margem de erro de 2,83% para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O registro da pesquisa no TSE é o de Nº PI-05109/2018. A pesquisa é presencial.

Fonte: politicadinamica.com

PESQUISA DATAMAX: MARDEN 32,75%; JOVE 27,75%, ODIVAL 5,50%

Marden Menezes (PSDB) lidera as intenções de voto em Piripiri segundo a mais recente pesquisa do Instituto Datamax para o cargo de deputado estadual. O tucano que segue para a reeleição tem a preferência de 32,75% do eleitorado da cidade.

Os indecisos — eleitores que não souberam responder ou não quiseram opinar — somam 28,75%.

Em segundo lugar aparece o nome da radialista Jôve Oliveira (PTB), somando 27,75% das intenções de voto. Já o ex-prefeito Odival Andrade (PR) obteve somente 5,50% da preferência do piripiriense.

Já outros 3,75% das pessoas entrevistadas representam votos nulos e brancos.

DEPUTADO FEDERAL

Os eleitores também foram consultados sobre o voto a ser dado para o cargo de deputado federal. Na pesquisa espontânea o deputado federal Átila Lira (PSB) está liderando a preferência dos eleitores com 16,50%.

Em seguida vem Heráclito Fortes (DEM) com 6,50%, na frente da atual primeira-dama do Estado Rejane Dias (PT), que obteve 6,25%. Apenas na quarta posição, o petista Assis Carvalho (PT) com 4,50%. Todos estes nomes buscam a reeleição para a Câmara Federal.

FICHA TÉCNICA

A pesquisa foi realizada entre os dias 24 e 25 de agosto, pelo Instituto Datamax. Foram ouvidos 400 eleitores entre as zonas Urbana e Rural. O levantamento foi registrado no Tribunal Regional Eleitoral com o número PI-06024/2018.

Fonte: Politicadinamica.com


Deputado afirma que descaso do governo com professores compromete ano letivo.

Legislativa do Piauí (Alepi), pelo reajuste dos professores e demais servidores da educação, denuncia o risco da perda do ano letivo e lamenta que a situação tenha chegado a este ponto. Ele atribui este problema à falta de planejamento e equilíbrio financeiro do Governo do Estado. A greve dos professores já passa de dois meses e já comprometeu cerca de 30% do calendário acadêmico das escolas da Rede Estadual.

Para o deputado, a situação é angustiante e ele garante que o assunto será tema de debates na volta do recesso da Alepi. “Como se não bastasse a humilhação imposta pelo Governo aos professores, o descompromisso do Governo do Estado com a categoria está na iminência de provocar a perda do ano letivo, de 2018, para os alunos da Rede Pública Estadual”, lamentou.

A greve começou em fevereiro deste ano e, após acordo com o Governo do Estado, os servidores retomaram as atividades. Porém, segundo a categoria, o acordo não foi cumprido e, em junho, os professores voltaram a cruzar os braços.

A categoria protesta contra o reajuste do Governo do Estado, de 2,95%, que foi bem abaixo do que os servidores exigiam, que era o percentual de 6,81% aos docentes e 3,95% aos demais trabalhadores da educação.

 Fonte: Ascom.

Pesquisa do Instituto Credibilidade: WELLINGTON 39%, LUCIANO 15%, PESSOA 3%

Histórico de pesquisas mostram tendência de queda de Wellington Dias desde o mês de fevereiro de 2018 (fotos: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

O Política Dinâmica teve acesso à última pesquisa do Instituto Credibilidade para governador do Piauí. O resultado confirma uma tendência de queda na intenção de votos de Wellington Dias, do PT, mesmo tendo sido realizada antes de Elmano Ferrer (Podemos) anunciar sua desistência e antes de Dr. Pessoa (Solidariedade) afirmar sua candidatura ao governo do Estado.

Luciano tem circulado com sua pré-campanha por todo o Piauí, ao passo em que as ordens de serviço assinadas pelo governador Wellington Dias vão se acumulando sem que as obras comecem em centenas de municípios (foto: Jailson Soares | politicaDinamica.com)

Em um dos cenários estimulados, Wellington Dias tem 39,67% das intenções de voto. Logo em seguida vem o tucano Luciano Nunes (PSDB), com 15,92%. Nesse cenário, o senador licenciado Elmano Ferrar obteve 6,58% das intenções de voto e o Dr. Pessoa é o preferido de 3,83% dos entrevistados. O jurista Valter Alencar (PSC) aparece com 1,00%. Todos os demais candidatos somam 1,08%. Nenhum/Branco/Nulo são 1,08% e não sabem ou não quiseram opinar 22,33%.

TENDÊNCIA DE QUEDA

Wellinton Dias chegou a ter 70% dos votos válidos em pesquisa do Instituto Amostragem de fevereiro deste ano (PI-00411/2018). Depois disso, o mesmo instituto trouxe no mês de abril o petista com 51,80% (PI-06776/2018) das intenções de voto. Estas pesquisas foram encomendadas pela TV Meio Norte.

A pesquisa foi realizada antes da entrada de Dr. Pessoa na disputa; nos bastidores fala-se em um cenário ainda mais complicado do que mostra esta pesquisa para o petista Wellington Dias (foto: Jailson Soares | politicaDinamica.com)

Em junho a TV Cidade Verde fez sua pesquisa pelo Instituto Opinar, que apontou Wellington Dias com 50,00% das intenções de voto (PI-09989/2018). Em julho, fizeram mais uma pesquisa e o resultado foi outra queda: Wellington estava com 47,69%.

De lá pra cá, Wellington Dias quebrou acordo com o MDB, trocou de vice e empurrou a senadora Regina Sousa goela abaixo de seus aliados como sua sucessora. A mensagem de golpe foi ruim e o impacto disso no interior pode ter afetado o desempenho do petista nesta pesquisa do Instituto Credibilidade, na qual ele pontua com 39,67%.

REJEIÇÃO

Wellington Dias tem a maior rejeição entre os candidatos ao governo testados na pesquisa. Não votariam de jeito nenhum no petista 21% dos entrevistados, contra 3,17% de rejeição ligada ao nome de Luciano Nunes. Já o senador Elmano Ferrer tem nesta pesquisa 7,50% de entrevistados que não votariam nele de jeito nenhum. Dr. Pessoa possui 3,08% de rejeição. Valter Alencar aparece com 3,25% de rejeição. Não tem rejeição a nenhum dos candidatos apresentados ou não quiseram opinar sobre o assunto 48,50% dos entrevistados.

FICHA TÉCNICA

A pesquisa é presencial e foi realizada entre os dias 18 e 23 de julho de 2018. Foram 1.200 entrevistados. A margem de erro é de 2,8 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. O número de registro no TSE é PI-01184/2018 e ela foi contratada pelo Partido Da Social Democracia Brasileira.

Fonte: politicadinamica.com.

Deputado Átila Lira participa do aniversário de Luís Correia

O deputado federal piripiriense Átila Lira está em Luís Correia participando das comemorações dos 80 anos dessa cidade que é um dos maiores pontos turísticos do nosso Estado. 

"Temos uma faixa litorânea pequena, comparada a dos outros Estados do Nordeste, mas ela nos atende bem, atrai milhares e milhares de pessoas e movimenta a economia e o turismo local. Agradeço o convite do prefeito Kim para participar das atividades, e mais uma vez, deixo os meus parabéns ao povo de Luís Correia" disse  Átila Lira.

Descontente com o Karnak, ex-prefeito Zé Resende sai do PT.

O ex-prefeito de Boa Hora, Zé Resende, formalizou sua desfiliação do Partido dos Trabalhadores descontente com a postura do Palácio de Karnak, que descumpriu compromissos firmados com ele para a realização de obras no município, localizado a 145 quilômetros de Teresina.

"Não fui atendido nas minhas demandas para Boa Hora. Como é que estou numa casa e não sou bem acolhido", conta o ex-prefeito, dando ainda "graças a Deus" por ter deixado o PT.

Uma das demandas, explica Zé Resende, complicou seu relacionamento inclusive com Paulo Martins, que presidiu a Fundespi, e fez compromissos com o ex-prefeito para a retomada de liberações que garantissem seguimento às obras de um estádio de futebol no município.

O desconforto na relação pode fazer até mesmo com que o ex-prefeito recue no apoio à pré-candidatura de Paulo a deputado federal, afetando também o apoio à pré-candidatura do irmão Aluísio Martins, a deputado estadual.

"Ainda não chutei o balde", diz. Uma conversa definitiva ocorrerá na próxima terça, e acertando o recuo no apoio, o ex-prefeito já tem opções sobre quem apoiar.

Um deles é o deputado estadual Marden Menezes (PSDB), que chegou a oferecer a presidência do diretório municipal de Boa Hora ao ex-prefeito. Para federal, uma das possibilidades é o apoio de Zé Resende a Átila Lira (PSB).

Fonte: 180graus.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

23 de julho de 2018 20:03h Categoria: Política Comentários ()
NOTA DE ESCLARECIMENTO

O deputado federal Átila Lira esclarece que as informações da matéria intitulada  "Deputado federal Átila Lira quer comprar a Eletrobrás Piauí", publicada na coluna de Herbert Sousa, do Portal GP1, nesta terça-feira (23), não procedem. 

O deputado Átila Lira é favorável que a Eletrobrás permaneça nas mãos do poder público federal e inclusive votou na Câmara dos Deputados contra a privatização da empresa. 

O deputado esclarece ainda que tal publicação tem o único intuito de tumultuar o processo político com a proximidade das eleições e trata-se de "fake news".


Deputado Marden Menezes participa do festejo da comunidade Furnas

O deputado estadual Marden Menezes (PSDB), acompanhado do vereadores Domingão, do empresário Cristiano Cardoso (Papinha) e lideranças da região prestigiou na noite deste sábado (21), o festejo de Nossa Senhora de Fátima, na comunidade Furnas, localizado na zona rural de Piripiri. 


A oposição está de olho nos últimos desfechos da base aliada do governador Wellington Dias, mas garante que não vai atrás de dissidentes só para somar forças. Para o deputado estadual Marden Menezes, por exemplo, não será qualquer entendimento que será construído.

“Não é em qualquer condição que vamos buscar alianças. Queremos dar um modelo de gestão diferente. Não será qualquer entendimento que será construído”, disse o parlamentar em entrevista à TV Cidade Verde.

A orientação, de acordo com o tucano, é para que ninguém feche portas neste momento. “Quem está na oposição não deve fechar portas ou restringir qualquer diálogo. Essa confusão toda já era anunciada. Já sabíamos que esse blocão, que une forças antagônicas, teria dificuldade nessa arrumação”, ressalta.

Ainda de acordo com Marden, a reviravolta na chapa da base aliada mostra que o governo só se preocupa com os arranjos políticos.

“Se eu fico confuso, imagina o cidadão. Esse modelo serve a classe política e não à sociedade. Somos contra tudo que está acontecendo no Piauí. Quando a gente olha para estas definições, vimos que só se preocupam com os políticos. Os serviços estão em último plano”, finalizou.

Fonte: Cidadeverde.com / Foto: Catarina Malheiros.


Deputado Marden Menezes passa mal em agenda e é submetido a cirurgia

Diagnosticado com crise de apendicite, passou pelo procedimento cirúrgico nesta manhã de domingo (08). Segundo a assessoria do deputado, tudo transcorreu bem durante a cirurgia.

O deputado segue internado, em recuperação.

Piripiri tem projeto selecionado e receberá 15 milhões para mobilidade urbana

O prefeito Luiz Menezes esteve na manhã de terça, dia 03, na sede da Associação Piauiense de Prefeitos (APPM) juntamente com diversos prefeitos do Piauí, participando de solenidade com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy e com o presidente da Caixa Econômica Federal, Nelson Antônio de Sousa.

O objetivo do encontro foi o anúncio dos 71 municípios piauienses que serão contemplados pelo programa Avançar Mobilidade (Avançar Cidades), do governo federal, através da CAIXA, que propicia a melhoria no deslocamento das pessoas nos ambientes urbanos por intermédio do financiamento de ações de mobilidade.

Piripiri já havia apresentado o projeto meses atrás e deverá receber, se aprovado na Câmara Municipal, a quantia de 15 milhões de reais, que serão aplicados em calçamentos, asfalto, pontes e rotatórias.


Assembleia anula votação que rejeitava veto do governador

A Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) aprovou, sob protestos dos professores, o Projeto de Resolução da Mesa Diretora que anulou a votação que rejeitava o veto do governador Wellington Dias ao reajuste salarial dos professores da rede pública estadual. O deputado Marden Menezes (PSDB) subiu à tribuna da casa para criticar o que ele classificou como episódio vergonhoso na história da Alepi. 

“A Assembleia Legislativa do Piauí, pela primeira vez na sua história, anulou uma votação legalmente perfeita, que havia derrubado o veto do Governador, tudo para impedir o reajuste dos professores da rede pública estadual. Um episódio vergonhoso na história do Parlamento Estadual. Se queremos mudar essa realidade, a hora é agora!”, afirmou.

Prefeito Luiz Menezes define programação do aniversário de Piripiri

O prefeito de Piripiri, Luiz Menezes, reuniu na manhã de ontem, 06, a equipe de secretários municipais e apresentou a programação do aniversário da cidade para o ano de 2018. A elaboração do calendário festivo veio da SEJUCE, através do secretário Ducival Araújo e equipe.

As comemorações começam com os Folguedos de Piripiri, que acontecerá nos dias 1º, 2 e 3 de julho na praça de eventos. Luiz Menezes frisa que esse evento valorizará a cultura local e da região, em um ambiente familiar, para todas as gerações. No evento, apresentação de danças de escolas municipais, estaduais, particulares, convidadas e dos bairros, dança Portuguesa de Luzilândia, festival de quadrilhas, Boi Buriti (Boi do Maranhão) e sanfoneiros da terra. Atrações musicais de Lapada de Primeira, Banda Os Dragões, Bel Lima, Fulô do Sertão, Pegada Forroneja e Solteirões da Farra.

No dia 04 de julho acontecerá o tradicional Desfraldar das Bandeiras em solenidade que esse ano será na região do Centro Administrativo e logo após apresentação da Banda Manuel Fabiano no Museu PeryPery seguido da apreciação das exposições culturais.

No mesmo dia, pela tarde, acontecerá a final do Pé de Chulé e, em seguida, Celebração da Missa na praça de eventos e apresentação da banda do 25º Batalhão de Caçadores - BEC.

No dia 05 de julho será realizado o Culto Evangélico na praça de eventos.

No dia 06 de julho será realizado a solenidade da Comenda Juncal no auditório da praça de eventos.

No dia 07 de julho será a final da Copa Batom e logo em seguida a final do Copão Rural. No mesmo dia haverá a confraternização com jantar com as comunidades da zona rural.

No dia 08 de julho será a vez da realização da novidade para esse aniversário que é o I Trilhão de Perypery, um passeio ciclístico que visa valorizar os ciclistas e a prática de esportes no município. A largada será da praça da Bandeira, passando pelo parque de exposições Carolina Freitas Lira, povoado Sertão de Dentro e chegada no açude Caldeirão, mesmo local em que será realizado a XXXI edição da Regata de Canoas, outra prática esportiva da cidade que valoriza os canoeiros da região.


CCJ rejeita projeto que trata da alienação de 600 mil hectares de terras do PI

Foi recusado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), da Assembleia Legislativa do Piauí, nesta terça-feira (05), Projeto de Lei do Governo do Estado  que trata da alienação de 600 mil hectares de terras do Piauí.

Para o deputado estadual Marden Menezes (PSDB), que votou contra a proposição, essa foi uma vitória para o povo do Piauí. “Nós impedimos que 600 mil hectares do povo do Piauí fossem vendidos em véspera de eleição, sabe-se lá como. Muitas destas terras ficam em áreas estratégicas importantes para o futuro do estado. Um governo que sempre se manifestou contra a venda do patrimônio público, contra privatizações, hoje quer promover o desmonte do patrimônio da população piauiense. Mas por 3 a 2 conseguimos impedir que isso acontecesse”, afirmou.

Deputado Marden destina emenda para recuperação asfáltica no centro de Piripiri

Preocupado com a situação da malha asfáltica do centro comercial de Piripiri, o deputado Marden Menezes realocou emendas parlamentares de sua autoria para realizar o recapeamento da parte central do asfalto, no centro de Piripiri.

O deputado abriu mão de outros projetos, previstos para 2018, com a finalidade de resolver o problema que aumentou bastante, após o forte período chuvoso na cidade.

Os recursos serão aplicados nos pontos mais críticos como na Avenida 4 de Julho, Rua Freitas Júnior e Rua Professor Bem.

"Neste ano já colocamos recursos para a construção da Arena Radical, construção de uma praça nos residenciais Petecas, além de verbas para os eventos Pirifolia, Expoagro e Festival de Humor e Arte, recursos que totalizam mais de um milhão de reais. Mesmo assim, sensibilizado com a situação, resolvemos modificar esta emenda para atender a nossa população", disse o deputado.

O prefeito Luiz Menezes também já garantiu recursos complementares para realizar toda a extensão do centro, o que dará uma nova "cara" para a região mais comercial da cidade.

"Estávamos trabalhando com recursos que chegarão a médio prazo, mas esta emenda Estadual do deputado Marden nos dará fôlego, para a partir de junho realizarmos o trabalho por completo", garante o prefeito Luiz Menezes.

A Prefeitura deve iniciar, imediatamente, os trabalhos de consertos de coxias e preparação das laterais das vias para o devido escoamento de água para em seguida receber o recapeamento do asfalto.

Luciano e Elmano acertam acordo

04 de maio de 2018 11:35h Categoria: Política Comentários ()
Luciano e Elmano acertam acordo

Oposição unida e articulada politicamente. Este foi o saldo do encontro dos pré-candidatos ao governo Luciano Nunes (PSDB) e Elmano Férrer (Podemos), nesta quinta-feira, 03. 

Acertaram o passo na estratégia de duas chapas de oposição, que devem forçar um segundo turno na eleição de governador. Outro compromisso firmado: num eventual turno extra, Luciano Nunes e Elmano Férrer estarão no mesmo palanque. 

Com o entendimento confirmado, a oposição parte agora para decolar a estratégia para o pleito majoritário no Estado. 

Afinados, os dois pré-candidatos investirão na conquista de apoio na capital e interior. Até o período das convenções partidárias, as agendas de Luciano Nunes e Elmano Férrer serão repletas de viagens e eventos políticos.

Suplente Valdiner Sousa adere ao grupo político do prefeito Luiz Menezes

Com quase 500 votos recebidos nas últimas eleições, o suplente de vereador Valdiner Sousa (PHS) passa a integrar o grupo político do prefeito Luiz Menezes.

Segundo Valdiner, este era um desejo antigo de sua família, que sempre acompanhou o atual prefeito de Piripiri. "Infelizmente na eleição passada não tive como acompanhar o grupo do prefeito Luiz Menezes e do deputado Marden Menezes. Agora estou feliz, ao lado de quem realmente trabalha e é preocupado com Piripiri", disse Valdiner.

"Sou jovem, trabalhador, uma das maiores lideranças da "rua de cima" e consultei a maioria do meu eleitorado e todos concordaram comigo. O que eu quero é apenas poder ajudar a população, tendo oportunidade de apontar problemas e buscar soluções", finaliza.

Justiça julga improcedente processo contra prefeito Luiz Menezes

A juíza da 11ª Zona Eleitoral, Maria do Rosário de Fátima Martins Leite Dias, julgou improcedente Ação de Investigação Judicial Eleitoral ajuizada pelo vereador e ex-prefeito José Pinto de Mesquita, o Dr. Pinto, contra o prefeito de Piripiri, Luiz Menezes, e seu vice Muriel Queiroz ao entender que não estiveram caracterizadas nos fatos narrados as práticas de abuso de poder econômico ou político, corrupção eleitoral, ou captação ilícita de sufrágio. A sentença é desta sexta-feira (09).

Segundo a denúncia, no dia 11 de julho de 2016, o ex-prefeito tomou conhecimento de que o então candidato Luiz Cavalcante e Menezes encontrava-se realizando atendimento médico e distribuição de atestados em troca de votos e que o mesmo fez uso de receituários da Secretaria Municipal de Saúde para emitir prescrições médicas, tendo como objetivo a captação de votos para sua campanha, e que isso configuraria abuso de poder político e econômico, tendo em vista que não é médico do quadro da Secretaria de Saúde Municipal.

Em relação ao vice-prefeito Murieel Queiroz, o denunciante alegou que ele possui posto de combustível e pousada, denominados Posto Petrolina, onde, no período de campanha, eram oferecidos, de forma gratuita, combustível e cestas básicas para pessoas da zona rural e da cidade. Além disso, afirmou que no referido estabelecimento havia ostensivas indicações de nomes com cargos que pleiteavam, assim como propaganda eleitoral dos candidatos investigados.

Por fim, declarou que o vice-prefeito foi flagrado entregando vantagens na casa de eleitores, como móveis e materiais de construção, na localidade Novo Genipapeiro, incorrendo, assim, em corrupção eleitoral.

Defesas

Luiz Menezes apresentou defesa em que argumentou que o atestado médico de Karla Neris é datado de 11.07.2016, período em que não havia candidatos nem campanha eleitoral, o que não se enquadraria no preceito legal de captação ilícita de sufrágio, o qual exigiria, para sua configuração, que o ato ocorresse entre o registro de candidatura até o dia da eleição. Acerca da receita de Francisco Luís Soares, afirmou que o caso também ocorreu em data não abrangida dentro do período compreendido entre o registro de candidatura e o dia das eleições.

Murieel se defendeu sustentando que as provas que a parte autora apresentou são frágeis e incapazes de comprovar as alegações formuladas e que os vídeos e as fotografias colacionadas não permitem constatar que se trata do posto de combustível de sua propriedade, bem como ligação entre o estabelecimento e os candidatos.

Em relação à distribuição de bem móvel, afirmou que no momento em que esteve na casa, não há nenhum veículo na frente, tampouco com adesivos. Concluiu que o fato atribuído não restou comprovado, não tendo sido comprovado também que teria sido praticado pelo por ele.

Sentença

A magistrada destacou que não há razões para concluir sobre a efetiva distribuição de atestados médicos durante o período eleitoral e que compulsando as provas coligidas, não remanesce a menor evidência de que o atestado foi entregue à paciente Karla Neris, ou ao seu esposo, sob a condição de ganhar-lhes o voto, a despeito da pretensão que se coloca na causa de pedir.

“De mais a mais, não se concebe que a emissão de documento médico em benefício de única pessoa possa equivaler a ‘distribuição de atestados’, o que não passa de ilação da parte investigante”, afirmou.

Em relação à entrega de receita a magistrada disse que “é possível concluir que o atendimento médico prestado pelo primeiro investigado ao senhor Francisco Luis Soares não incorreu em ilícitos eleitorais, ao contrário de que sustentado pela parte autora, porque em nenhuma das duas situações em discussão – emissão de atestado e de receita – detectou-se algum indício da prática de abuso de poder econômico, político ou mesmo de captação ilícita de sufrágio”.

Quanto ao vice-prefeito, a conclusão é que “não se chegou a provar, através do conjunto probatório produzido durante a instrução, nem ao menos, a materialidade da conduta impingida ao segundo investigado, consistente em distribuição de combustível”.

Fonte: GP1.

Câmara de Piripiri realizou sessão ordinária na noite desta terça-feira (06)

A câmara municipal de Piripiri realizou nessa terça-feira, 06, mais uma sessão ordinária da legislatura 2018.

A sessão foi antecipada de quinta-feira, 8, para, ontem, dia 6 e foi presidida pelo vereador Eldenis Barbosa uma vez que a presidente Nayla Barbosa encontrava-se em viagem.

O vereador Luis Carlos justificou a antecipação devido ao pedido do Judiciário para utilizar o plenário da Câmara para o tribunal do júri do caso "João Fidélis".

O parlamentar falou sobre a aprovação da Lei que regulamenta a política de assistência social do município o que irá conceder mais autonomia e recursos para o município caso seja realizada uma gestão bipartite com o Estado.

O vereador Genival Cigano agradeceu a implantação da Academia do Praça, projeto que foi resultado de uma emenda do deputado Marden Menezes.

Genival Cigano disse que o "Petecão", como é conhecido o local, a obra vai dimunuir a marginalidade e os constantes acidentes de trânsito de Piripiri.

O vereador destacou positivamente a implantação de um consultório odontológico na região. 

O destaque foi a proposta de criar o projeto CATA PLÁSTICO, um projeto que vai funcionar em parceria com a prefeitura e irá cuidar do meio ambiente e gerar renda.