Logotipo R10
Deputado afirma que descaso do governo com professores compromete ano letivo.

Legislativa do Piauí (Alepi), pelo reajuste dos professores e demais servidores da educação, denuncia o risco da perda do ano letivo e lamenta que a situação tenha chegado a este ponto. Ele atribui este problema à falta de planejamento e equilíbrio financeiro do Governo do Estado. A greve dos professores já passa de dois meses e já comprometeu cerca de 30% do calendário acadêmico das escolas da Rede Estadual.

Para o deputado, a situação é angustiante e ele garante que o assunto será tema de debates na volta do recesso da Alepi. “Como se não bastasse a humilhação imposta pelo Governo aos professores, o descompromisso do Governo do Estado com a categoria está na iminência de provocar a perda do ano letivo, de 2018, para os alunos da Rede Pública Estadual”, lamentou.

A greve começou em fevereiro deste ano e, após acordo com o Governo do Estado, os servidores retomaram as atividades. Porém, segundo a categoria, o acordo não foi cumprido e, em junho, os professores voltaram a cruzar os braços.

A categoria protesta contra o reajuste do Governo do Estado, de 2,95%, que foi bem abaixo do que os servidores exigiam, que era o percentual de 6,81% aos docentes e 3,95% aos demais trabalhadores da educação.

 Fonte: Ascom.