Com greve dos médicos, 1087 consultas são canceladas no Piauí

Compartilhe

Os médicos da rede estadual de saúde iniciaram ontem (05), a terceira paralisação seguida de atendimentos pelo estado. A suspensão segue até a sexta-feira, dia 07 de junho. Com a greve, cerca de 1087 consultas e exames foram cancelados e precisam ser remarcados.

A categoria decidiu o ato em assembleia no Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí (SIMEPI) na semana passada. Durantes os três dias estão suspensas a realização de consultas e procedimentos, exceto os casos de urgência e emergência.

O Simepi, já havia exposto por meio de nota que as insatisfações, denúncias de falta de estrutura de trabalho e a omissão do governo motivaram os profissionais a continuar o movimento. Entre as reinvidicações, a categoria exige progressão, correção da insalubridade, busca de condições dignas de trabalho e realização urgente de concurso público.

Em nota, o governo do Estado informou que que preza pelo diálogo em detrimento de medidas que possam ocasionar prejuízos à população. Portanto, espera poder dialogar com a categoria médica de forma responsável, buscando o equilíbrio entre o interesse dos servidores e o interesse de todos os piauienses.

Flash da jornalista Cinthia Lages ( Meionorte.com)

Please follow and like us:
error

Compartilhe

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu nome aqui