Receber carinho reduz sensação de dor em bebês, diz estudo



Compartilhe

Um toque de carinho sempre é bom. Receber um abraço, beijo ou carícia muda o humor (e até o dia!) de uma pessoa. Mães, então, tendem a não parar de demonstrar o amor por seus filhos. E agora a ciência prova que elas estão certas (mais uma vez): acredita que esse carinho todo pode acabar com a dor em bebês? Foi o que um novo estudo da Universidade Oxford descobriu.

Detectar sensações dolorosas em nenéns é sempre complicado. Como ainda não conseguem falar e explicar onde e como está doendo, a reação mais comum é chorar – e contar com a astúcia das mamães e dos papais para resolver o problema.

Mas o mal-estar dos baixinhos também se manifesta de outras formas. E existem pesquisadores que estudam justamente isso: respostas corporais para procedimentos que causam dor nos primeiros anos de vida, como exames de sangue e vacina.

É o caso do time de experts que descobriu que uma carícia feita da forma correta reduz a dor nos bebês. Usando um eletroencefalograma, o estudo monitorou a atividade cerebral de 32 crianças enquanto elas realizavam exames de sangue. Metade delas foi acariciada com uma escova macia e a outra não recebeu qualquer tipo de afeto.

Fonte: Super Interessante.

Please follow and like us:

Compartilhe

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu nome aqui